sicnot

Perfil

Desporto

Valentino Rossi pode chegar ao oitavo título de MotoGP na Malásia

O italiano Valentino Rossi (Yahama) pode conseguir domingo o seu oitavo título de MotoGP, igualando, finalmente, o seu compatriota Giacomo Agostini, no Grande Prémio da Malásia, em Sepang, 17.ª de 18 provas do Mundial de velocidade.

Joshua Paul

Dominador quase absoluto da primeira década do século XXI, com títulos em 2001, 2002, 2003, 2004, 2005, 2008 e 2009, Rossi, de 36 anos, tem a primeira hipótese para, seis anos depois, voltar a sagrar-se campeão mundial.

Com apenas 11 pontos de avanço sobre o seu companheiro de equipa Jorge Lorenzo, campeão em 2010 e 2012, o 'doutor' não depende de si próprio para sair campeão da Malásia, necessitando de ganhar 15 pontos ao espanhol.

Caso vença na presente temporada pela quinta vez -- após Qatar, Argentina, Holanda e Grã-Bretanha --, o '46' necessita de que Lorenzo acabe abaixo do quinto posto, o que só aconteceu uma vez, quando caiu no GP de São Marino.

O italiano ainda pode sagrar-se campeão a uma prova do fim se for segundo e o espanhol não acabar no 'top 10' e se for terceiro e Lorenzo não ficar nos 14 primeiros.

Independentemente da posição em que termine o '99', na Malásia e em Valência, na última corrida (08 de novembro), Valentino Rossi sabe que só depende de si para chegar ao cetro, necessitando 'apenas' de dois segundos lugares.

Caso os consiga, Rossi, que é o recordista de vitórias em corridas de MotoGP (86), iguala a 'lenda' Giacomo Agostini, o 'motard' transalpino, presentemente com 73 anos, que venceu oito cetros da categoria 'rainha', entre 1966 e 1975.

Juntando todas as categorias, o título de 125cc de 1997 e o de 250 de 1999, o piloto nascido em Urbino, Tavullia, a 16 de fevereiro, somará o 10.º cetro, ficando, neste particular, a 'irrecuperáveis' cinco de Agostini.

Agostini ganhou oito títulos de 500 cc -- até 2001 a categoria 'rainha', entretanto substituída pelo MotoGP -- e sete de 350cc, mas participando nos dois em simultâneo, para ganhar a dobrar entre 1968 e 1972 (10 títulos em cinco anos).

Na presente temporada, Rossi venceu quatro corridas, somou três segundos lugares e sete terceiros, para um total de 14 presenças no pódio, que só falhou em São Marino e na Austrália.

Em São Marino, foi vítima de uma prova 'caótica', com chuva e trocas de moto, terminando em quinto, ainda assim numa boa operação para o campeonato, pois Lorenzo caiu, e, na Austrália, na última corrida, acabou em quarto, muito perto dos três primeiros classificados.

Rossi tem conseguido estes resultados mesmo sem 'brilhar' na qualificação: só conseguiu uma 'pole' (Holanda) e apenas saiu mais três vezes da primeira linha da grelha (segundo no Japão e terceiro na República Checa e São Marino).

A corrida de MotoGP do Grande Prémio da Malásia, em Sepang, 16.ª de 18 provas do Mundial de velocidade, realiza-se domingo, às 15:00 locais (07:00 em Lisboa).

Lusa

  • Marc Marquez revalida o título de campeão mundial de Moto GP

    Desporto

    Marc Marquez revalidou o título de campeão mundial de Moto GP, apesar de ter teminado o Grande Prémio do Japão na segunda possição. Numa altura em que faltam três corridas para o final da temporada, o piloto espanhol da Honda já leva 82 pontos de avanço sobre Valentino Rossi e Dani Pedrosa, que estão empatados na segunda posição.

  • Marc Márquez revalida título de campeão mundial de Moto GP

    Desporto

    Marc Marquez revalidou o título de campeão mundial de Moto GP, apesar de ter teminado o Grande Prémio do Japão na segunda possição. Quando faltam três corridas para o final da temporada, o piloto espanhol da Honda já leva 82 pontos de avanço sobre Valentino Rossi e Dani Pedrosa, que estão empatados na segunda posição. O piloto de 21 anos é o mais jovem de sempre a conseguir dois títulos consecutivos na categoria. A corrida foi ganha por Jorge Lorenzo da Yamaha mas quem festejou mais foi Marquez.

  • Inglaterra estreia-se com vitória suada frente à Tunísia

    Mundial 2018 / Tunísia

    A seleção inglesa estreou-se no Mundial 2018 com um triunfo sobre a Tunísia por 2-1, com o golo da vitória a ser apontado já para lá do minuto 90. O jogo foi referente à 1.ª jornada do grupo G. Veja aqui os golos e os lances que marcaram o encontro.

  • O melhor golo do 5.º dia de Mundial

    Desporto

    Numa escolha feita pelos jornalistas de desporto e do site da SIC Notícias, mostramos-lhe o melhor golo deste quinto dia de Mundial. Foi apontado por Dries Mertens, na vitória da Bélgica sobre o Panamá por 3-0.

  • Salto de Cristiano Ronaldo inspira dança afro-beat

    Desporto

    Uma música humorística afro-beat, publicada nas redes sociais e inspirada nos saltos de Cristiano Ronaldo quando marca golos, está a ser replicada na internet com dezenas de coreografias filmadas, muitas das quais em França.

  • Ronaldo no País dos Sovietes: As religiões praticadas na Rússia
    1:55
  • "Estamos a plantar fósforos"
    2:09

    Opinião

    O calor regressou esta segunda-feira em força e no terreno estiveram quase 1300 bombeiros a combater 70 fogos por todo o país. Depois da tragédia de Pedrógão Grande, o Presidente da República diz que a consciência do país mudou mas é preciso fazer mais. Já Miguel Sousa Tavares diz que o país está mais preparado para combater os incêndios do que alguma vez esteve. No entanto, o comentador da SIC diz que já foram plantados mais de "2500 hectares de eucaliptos" desde Pedrógão e que enquanto isso acontecer Portugal vai continuar a arder. 

    Miguel Sousa Tavares

  • Pai de Meghan Markle lamenta ser "nota de rodapé" no casamento real
    2:03
  • Quando as crianças fazem das suas... os pais é que pagam

    Mundo

    Quando as crianças fazem das suas, restam os pais para as castigar ou, em alguns casos, para sofrer as consequências desses atos. Quem o pode dizer é um casal norte-americano, que recebeu uma fatura de 132 mil dólares (cerca de 114 mil euros), depois de o filho ter derrubado uma estátua num centro comunitário.

    SIC