sicnot

Perfil

Desporto

Federação holandesa bane quatro jovens por agredirem árbitro até à morte

Quatro jovens jogadores holandeses, já condenados por terem agredido um árbitro amador até à morte, em 2012, foram banidos de todas as competições, anunciou esta segunda-feira a Federação de futebol da Holanda (KNVB).

(Arquivo)

(Arquivo)

© Reuters Staff / Reuters

A justiça holandesa tinha condenado em junho de 2013 os cinco adolescentes, cujas idades à época variavam entre 15 e 17 anos, a dois anos de prisão, por agressões a um árbitro assistente amador, mas sem intenção de matar.

Quatro dos cinco jovens não poderão voltar a jogar como filiados na KNVB, sendo esta a sanção mais grave que a organização pode aplicar.

Ao quinto jovem foi-lhe aplicada uma suspensão de cinco anos por ter "reconhecido as suas responsabilidades no ato e por ter mostrado arrependimento", revelou a KNVB, em comunicado.

Os incidentes ocorreram a 2 de dezembro de 2012, quando o árbitro assistente Richard Nieuwenhuizen foi golpeado na cabeça e no tronco, depois de ter arbitrado um jogo entre jovens nos subúrbios a casa, mas acabaria por falecer dias depois no hospital em consequência dos golpes que sofreu na cabeça.

Além dos cinco adolescentes, o tribunal holandês sentenciou o pai de um dos adolescentes, de 51 anos, a seis meses de prisão.

Lusa

  • Leão de Ouro de Souto de Moura faz "muito bem à alma" dos portugueses
    1:53
  • "Sonho com um futuro melhor", o desejo de um jovem sírio em Portugal
    2:12

    País

    Mais de 50 jovens sírios chegaram esta madrugada a Lisboa, para iniciarem o novo ano letivo, em Portugal. Sonham com um futuro melhor. Sonham com uma educação melhor. Os 54 estudantes vieram ao abrigo do programa lançado pelo antigo Presidente da República, Jorge Sampaio, que nos últimos anos já deu uma nova oportunidade a cerca de 200 alunos. Depois de um curso intensivo de português durante três meses, os jovens vão iniciar o ano letivo em vários pontos do país.

  • Chamas do incêndio no Europa Park na Alemanha atingiram os 15 metros de altura
    0:57