sicnot

Perfil

Desporto

Pilotos pedem sanção para Márquez depois de incidente com Rossi

Vários pilotos de motociclismo pediram nas redes sociais uma sanção para o espanhol Marc Márquez pelo seu comportamento, no domingo, no Grande Prémio da Malásia de MotoGP, no qual caiu depois de um encosto de Valentino Rossi.

© Olivia Harris / Reuters

"O Marc quebrou a regra implícita de respeitar SEMPRE aqueles que estão a lutar por um campeonato quando tu não estás. O Vale ficou furioso e isso deixou-o em apuros", escreveu no Twitter Michael Laverty, piloto de testes da Aprilia no MotoGP, que disputa o campeonato britânico de Superbikes.

E o britânico não foi o único a criticar a atitude do espanhol da Honda, que antes de ser encostado por Rossi e ter caído, 'apertou' repetidamente o italiano da Yamaha, impedindo-o de ultrapassar para perseguir aquele que é o seu maior rival na luta pelo título mundial, o espanhol Jorge Lorenzo.

"Se as pessoas não conseguem perceber que o Marc Márquez estava mais rápido em Phillip Island [Austrália] e em Sepang [Malásia] do que o Valentino Rossi são doidas. (...) O Márquez pediu o que lhe aconteceu durante toda a corrida e o Rossi deu-lho intencionalmente. Os dois corredores estão errados", defendeu o norte-americano Ben Spies, que competiu no MotoGP entre 2008 e 2013.

O argentino Sebastián Porto, que foi vice-campeão mundial de 250cc em 2004, foi taxativo na crítica a Márquez, garantindo que nos 30 anos que leva nas motos nunca viu nenhum piloto com uma atitude tão provocadora "com o propósito de atrasar e não deixar avançar" um adversário.

"Estou com Vale. Os comissários deviam indagar o porquê do que aconteceu. Sei do que falo e a atitude de Márquez é merecedora de uma sanção ainda mais grave", prosseguiu na sua página do Facebook.

Também em Espanha houve quem alertasse para o mau comportamento do piloto da 'casa', caso de Fonsi Nieto, ex-piloto de 250cc: "Mal Márquez por meter-se numa guerra que não é a sua e deixar Lorenzo escapar! Mal Rossi, porque um génio tem de ter mais sangue frio e não entrar nesse jogo e menos ainda com uma 'patada'! Mal a direção da corrida por não intermediar para impedir o que aconteceu".

Muito atacado na sua página do Facebook, Nieto viu-se obrigado a esclarecer que não estava do lado de Rossi, mas que o jovem piloto da Honda tinha feito de 'tampão' para que o italiano não chegasse a Dani Pedrosa, vencedor na Malásia, e Lorenzo.

A direção de corrida do Mundial de motociclismo puniu 'Il Dottore' com três pontos de penalização na sua licença, por este ter tocado com o pé na moto de Márquez, e relegou-o para a última posição da grelha de saída do último Grande Prémio da temporada, que se corre em Valência.

Os dois pilotos, que se desentenderam logo no GP da Austrália, já tinham tido uma acesa troca de palavras na conferência de imprensa da véspera da corrida, com o italiano a dizer após a prova que o espanhol estava a correr para lhe "criar problemas".

"Márquez ganhou a sua luta, fez-me perder o campeonato", disse Rossi, que alegou que o guiador do espanhol lhe tocou na perna e que o seu pé escorregou, tendo tocado na Honda do adversário.

Com uma prova por disputar, Valentino Rossi tem sete pontos de avanço sobre Jorge Lorenzo.

Lusa

  • Passos explica porque se irritou com Costa
    0:42

    Economia

    Depois das imagens em que surgiu visivelmente irritado com António Costa, no último debate quinzenal, Passos Coelho veio agora explicar porquê. Na discussão com o primeiro-ministro, o líder do PSD não gostou que Costa tivesse insinuado que a fuga de 10 mil milhões de euros para offshores tenha ocorrido por inação do Governo anterior.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas.

  • Luaty Beirão agredido em manifestação em Luanda
    1:27

    Mundo

    Luanda tem sido palco de várias manifestações contra a forma como está a decorrer o processo eleitoral em Angola. Esta sexta-feira, uma dessas manifestações acabou em confrontos com as autoridades. Entre os manifestantes estava o ativista Luaty Beirão.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.