sicnot

Perfil

Desporto

Rosberg vence no regresso da Fórmula 1 ao México

O piloto alemão Nico Rosberg (Mercedes) conquistou este domingo a quarta vitória da temporada ao vencer o Grande Prémio do México de Fórmula 1, numa prova em que a Mercedes fez a 10ª dobradinha neste campeonato do mundo.

© Reuters Staff / Reuters

Na 17ª prova do calendário, que marcou o regresso da categoria rainha do desporto automóvel ao México, ao Autódromo Hermanos Rodríguez, após 23 anos de ausência, Rosberg teve uma corrida autoritária, concluindo um fim de semana em que já havia dominado também na qualificação.

Naquela que foi a sua quarta vitória da temporada, Rosberg apenas teve de se preocupar com o andamento do companheiro de equipa, Lewis Hamilton, mas o alemão mostrou sempre estar mais rápido, e mais acertado, do que o recém-coroado tricampeão mundial.

"Foi a melhor vitória do ano e que lugar para fazê-lo. Uma corrida emocionante, uma batalha emocionante com o Lewis. Absolutamente maravilhoso", afirmou o alemão após a corrida.

O germânico completou as 71 voltas (305,354 km) em 1:42.35,038 horas (média de 178,597 km/h) e bateu Hamilton por quase dois segundos, enquanto o finlandês Valtteri Botas (Williams) foi terceiro, a 14 segundos.

Com este triunfo, Rosberg recuperou a segunda posição do Mundial, com 272 pontos, mais 21 do que o compatriota Sebastian Vettel (Ferrari), que abandonou, enquanto Hamilton lidera com 345.

Uma corrida para esquecer teve a Ferrari, já que ainda antes de Vettel ter falhado uma travagem e ter batido, o finlandês Kimi Raikkonen envolveu-se num incidente com o compatriota Bottas, com prejuízo para o Ferrari, que acabou com a suspensão partida. É preciso recuar a 2006 para ver o último duplo abandono da 'scuderia' italiana.

Menos tempo em pista esteve o espanhol Fernando Alonso (McLaren-Honda). Depois de a equipa ter decidido trocar a unidade motriz e, por isso, ter sido penalizada com 10 lugares na grelha de partida (de ambos os carros), o duas vezes campeão mundial foi 'traído' precisamente pelo motor do seu monolugar na primeira volta da prova, que o obrigou a desistir pela sétima vez na época.

O campeonato de Fórmula 1 regressa no próximo dia 15 de novembro, dia em que se disputa a 18.ª e penúltima etapa, no autódromo de Interlagos, no Brasil.

Lusa

  • Jovem que morreu numa estância de esqui em Espanha sofreu um aneurisma
    1:26
  • Cunhado do Rei de Espanha em liberdade sem caução

    Mundo

    Inaki Urdangarin vai mesmo aguardar o desenrolar do recurso em liberdade na Suíça, onde o marido da Infanta Cristina tem residência oficial e onde terá de se apresentar às autoridades uma vez por mês, para além de estar obrigado a comunicar qualquer deslocação fora da Europa. De fora fica ainda o pagamento da caução de 200 mil euros pedida pelo Ministério Público espanhol.

  • Três letras de Zeca Afonso

    Cultura

    No dia em que se assinalam 30 anos da morte de Zeca Afonso, Raquel Marinho, jornalista da SIC e divulgadora de poesia portuguesa contemporânea, escolhe três letras do cantor e autor para dizer, em forma de homenagem.

    Raquel Marinho

  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • "Isto é uma mentira e tem carimbo de Estado"
    2:12

    Opinião

    O preço das botijas de gás em Portugal duplicou nos últimos 15 anos. José Gomes Ferreira esteve no Jornal da Noite, da SIC, onde explicou este aumento, lembrando que a classe política prometeu que se houvesse mais empresas a operar no mercado, os preços desciam. Contudo, José Gomes Ferreira diz que "isto é uma mentira e tem carimbo de Estado". O Diretor-Adjunto de Informação SIC explicou que como o mercado é livre, os operadores vendem aos preços mais altos que podem, deste modo os preços não variam muito entre uns e outros.

    José Gomes Ferreira