sicnot

Perfil

Desporto

Benfica pode abrir as portas dos oitavos da Liga dos Campeões

O Benfica pode dar hoje um passo importante rumo ao apuramento para os oitavos de final da Liga dos Campeões de futebol, caso vença na receção aos turcos do Galatasaray, em jogo do grupo C da prova.

Ainda houve tempo para Carcela se estrear a marcar de águia ao peito, fazendo o 4-0 final, a primeira vitória fora dos encarnados no campeonato.

Ainda houve tempo para Carcela se estrear a marcar de águia ao peito, fazendo o 4-0 final, a primeira vitória fora dos encarnados no campeonato.

PAULO NOVAIS

Num encontro em que defrontam o campeão turco com uma baixa de peso, o grego Samaris, titular indiscutível no 'onze' de Rui Vitória e que vai cumprir um jogo de castigo, os 'encarnados' pode ficar muito perto de garantir o apuramento, algo que já não acontece desde 2011/2012.

Depois da goleada (4-0) em Aveiro frente ao Tondela, as 'águias' terão agora de retificar o resultado verificado há duas semanas em Istambul, quando perderam frente ao Galatasaray por 2-1.

Um triunfo deixará o clube luso com cinco pontos de vantagem sobre o seu rival, ficando a faltar duas jornadas para o termo desta fase, enquanto qualquer outro resultado pode complicar a corrida ao apuramento.

O Benfica vai subir ao relvado da Luz na liderança do agrupamento, em igualdade com o Atlético Madrid, que joga em Astana, e mais dois pontos do que o Galatasaray.

O encontro de hoje no estádio da Luz está agendado para as 19:45 e vai ser dirigido pelo sérvio Milorad Mazic.

Lusa

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.

  • 700 milhões para armamento e equipamento militar
    1:16

    País

    Portugal vai investir nos próximos anos 700 milhões de euros em armas e equipamento militar. Segundo a imprensa de hoje, o objetivo é colocar algumas áreas das Forças Armadas a um nível similar ao dos outros aliados da NATO. É o maior volume de programas de aquisição dos últimos anos e parte das verbas vão beneficiar a indústria portuguesa que fabrica aviões, navios-patrulha, rádios e sistemas de comando e controlo.

  • Princesa Diana morreu há 20 anos. Filhos falam pela 1ª vez da intimidade
    1:15