sicnot

Perfil

Desporto

Maxi Pereira espera Maccabi Telavive mais ousado do que no Dragão

O futebolista uruguaio Maxi Pereira manifestou esta terça-feira a convicção de que o Maccabi Telavive vai criar na quarta-feira ainda mais dificuldades ao FC Porto do que as apresentadas no Dragão, onde perdeu por 2-0, para a Liga dos Campeões.

Na antevisão ao desafio da quarta jornada do grupo G, o lateral direito garante que o FC Porto tomou as "precauções necessárias" para este encontro, prometendo ter "máximo respeito" pelos israelitas, mas sempre focados em "conquistar os três pontos".

Na antevisão ao desafio da quarta jornada do grupo G, o lateral direito garante que o FC Porto tomou as "precauções necessárias" para este encontro, prometendo ter "máximo respeito" pelos israelitas, mas sempre focados em "conquistar os três pontos".

ABIR SULTAN / Lusa

"Todos os jogos são diferentes. No Dragão vimos um Maccabi muito complicado de penetrar. Defensivamente é muito bom. Ofensivamente, causaram alguns estragos, atacaram muito bem em contra-ataque. Fizeram um bom jogo. Em sua casa devem ter outro tipo de jogo, poderão arriscar mais...", vaticinou.

Na antevisão ao desafio da quarta jornada do grupo G, o lateral direito garante que o FC Porto tomou as "precauções necessárias" para este encontro, prometendo ter "máximo respeito" pelos israelitas, mas sempre focados em "conquistar os três pontos".

Maxi Pereira escusou-se a comentar os tempos em que representou o Benfica, nos quais foi a duas finais da Liga Europa, que perdeu, lembrando que agora é tempo de contar a sua história no FC Porto: "Como é lógico, quero chegar o mais longe possível em todas as competições".

"Para um jogador é sempre bonito ganhar algum troféu Europeu com a equipa, é esse o objetivo de qualquer um. Uma ilusão bonita. Há que ir passo a passo, jogo a jogo. No fim veremos ate onde vamos, como será. Quem esta em equipa grande tem mais expectativas", completou.

Maxi Pereira assumiu que foi "estranho" o FC Porto ir à Madeira e não jogar -- o jogo com o União foi adiado, pelo facto do avião ter sido desviado face ao mau tempo --, mas frisa que a equipa está pronta e com vontade de voltar à competição, no mais importante palco internacional de clubes.

O FC Porto lidera o Grupo G com sete pontos, seguido do Dínamo de Kiev com cinco, o Chelsea de José Mourinho com quatro e o Maccabi Telavive, que ainda não pontuou.

Lusa

  • "Às vezes o senhor primeiro-ministro irrita-me um bocadinho"
    2:05

    País

    O Presidente da República disse esta quinta-feira de manhã que António Costa é "irritantemente otimista" por teimar em "ver violeta-rosa onde há roxo". Marcelo Rebelo de Sousa recordou ainda Mário Soares numa aula no Colégio Moderno, em Lisboa.

  • Pyongyang cria vídeo a simular ataque a navios dos EUA
    2:00

    Mundo

    Os Estados Unidos da América pretendem reforçar as sanções à Coreia do Norte e investir nos esforços diplomáticos. Contudo, a tensão militar persiste. Pyongyang emitiu um vídeo em que simula um ataque a navios norte-americanos.

  • Cientistas testam útero artificial em cordeiros prematuros

    Mundo

    Um grupo de cientistas desenvolveu um útero artificial - o Biobag - que se assemelha a uma bolsa de plástico e que ajuda no desenvolvimento de cordeiros prematuros. O método foi testado nestes animais mas os cientistas do Hospital Pediátrico de Filadélfia, nos Estados Unidos, garantem que poderá vir a ser utilizado também em bebés que nascem prematuros.

  • Exame ao sangue descobre cancro um ano antes do reaparecimento

    Mundo

    Uma equipa de investigadores britânicos descobriu uma maneira de identificar o regresso do cancro, com um ano de antecedência. Através de um exame ao sangue, a equipa conseguiu identificar os primeiros sinais da doença, uma série de células invisíveis ao raio-X e à TAC. A descoberta pode vir a permitir tratar o cancro mais cedo e, como resultado, poderá aumentar as chances de o curar.

  • Casados há 69 anos, morrem de mãos dadas com 40 minutos de diferença

    Mundo

    Isaac Vatkin, de 91 anos, morreu cerca de 40 minutos depois de Teresa, de 89 anos, no passado sábado no Highland Park Hospital, no estado norte-americano Ilinóis. "Não queríamos que fossem embora, mas não podíamos pedir que partíssem de melhor maneira", afirmou o neto William Vatkin. O casal morreu no hospital poucos dias depois de celebrarem 69 anos de casados.

  • Trump cria linha de apoio a vítimas de "extraterrestres criminosos"

    Mundo

    Quando o Governo norte-americano usa o termo "extraterrestre criminoso", refere-se a alguém que não é cidadão dos Estados Unidos da América e que foi condenado por um crime. Quando a mesma expressão é usada pelos utilizadores do Twitter, o significado é completamente diferente. Os internautas pensam na série Ficheiros Secretos e em discos voadores. Por isso, o lançamento de uma linha telefónica, por parte da Casa Branca, para as vítimas de "extraterrestres criminosos" só podia dar em confusão.