sicnot

Perfil

Desporto

Ontem o Benfica, hoje é a vez do FC Porto tentar acesso aos 'oitavos' da Liga dos Campeões

O FC Porto pode hoje dar um passo firme na qualificação para os 'oitavos' da Liga dos Campeões em futebol, caso vença o Maccabi Telavive na quarta jornada do grupo G, que se mostra decisiva para o Chelsea.

Paulo Duarte


Uma vitória no primeiro jogo oficial realizado em Israel poderá colocar a equipa portuense a apenas um ponto do apuramento -- para conquistar nos dois últimos jogos -, caso o Dínamo de Kiev vença ou empate no estádio do Chelsea, no outro encontro da 'poule'.

Mesmo privado do influente avançado argelino Brahimi, devido a lesão, o FC Porto é claro favorito a reeditar o triunfo sobre o Maccabi -- que conta por derrotas os jogos realizados -, obtido há duas semanas no Estádio do Dragão, por 2-0, com golos de Aboubakar e Brahimi.

Líder isolada do agrupamento, com dois pontos de vantagem sobre o Dínamo de Kiev e três sobre o Chelsea, a equipa treinada pelo espanhol Julen Lopetegui apresenta-se em Telavive menos desgastada devido ao adiamento do jogo de sábado da I Liga, com o União da Madeira.

Para José Mourinho e o Chelsea, que ocupa o 15.º lugar na Liga inglesa, à 11.ª jornada, a receção ao Dínamo de Kiev é uma autêntica 'final' e o treinador português já assumiu que o campeão inglês está absolutamente proibido de perder.

Na terça-feira, o Benfica ficou a dois pontos da qualificação, depois de vencer em casa o Galatasaray, por 2-1, tendo dois pontos de avanço sobre o Atlético de Madrid, cinco do que os turcos e sete do que o Astana.

Lusa

  • "Este é o elefante na sala sobre a saúde!"
    1:43

    País

    Catarina Martins acusa o Governo de estar alinhado com a direita na promoção de negócios privados na área da saúde. O Bloco de Esquerda quer uma nova lei de bases aprovada até ao final da legislatura e arrancou ontem com um ciclo nacional de sessões públicas para defender o Serviço Nacional de Saúde.

  • Marido de idosa que morreu na Sertã teve de caminhar durante duas horas para pedir ajuda
    1:44

    País

    A Altice garantiu esta sexta-feira que tentou agendar, por duas vezes, a reposição da linha telefónica na casa da idosa da Sertã, que morreu na semana passada por não ter comunicações que permitissem um socorro rápido. A mulher sentiu-se mal e o marido teve de caminhar durante duas horas para conseguir chegar à casa do vizinho mais próximo e pedir ajuda.

  • "No meu bairro perguntam-me se a medalha é de ouro e dizem que ma vão roubar e vender"
    4:46
  • Como é que alguém (Rúben Semedo) com tanto pode perder tudo?
    3:05