sicnot

Perfil

Desporto

Melo Gouveia mantém segunda posição na Grande Final do Challenge Tour

O português Ricardo Melo Gouveia conservou hoje a segunda posição na Grande Final, que reúne os 45 melhores golfistas do circuito Challenge Tour, que decorre em Mascate e continua a ser liderada pelo dinamarquês Joachim Hansen.

Na segunda volta, que só termina no sábado devido ao nevoeiro que prejudicou a continuidade da prova, Melo Gouveia marcou 71 pancadas, menos uma do que o resultado obtido na primeira volta, seguindo provisoriamente no grupo dos classificados em 56.º lugar. (Arquivo)

Na segunda volta, que só termina no sábado devido ao nevoeiro que prejudicou a continuidade da prova, Melo Gouveia marcou 71 pancadas, menos uma do que o resultado obtido na primeira volta, seguindo provisoriamente no grupo dos classificados em 56.º lugar. (Arquivo)

LUSA

Melo Gouveia, que partiu para o torneio no sultanato de Omã na liderança do 'Challange Tour', a segunda divisão do golfe profissional europeu, cumpriu a segunda volta em 67 pancadas (cinco abaixo do Par), precisamente o mesmo número que tinha realizado na quarta-feira.

Hansen, que na primeira ronda tinha necessitado de 66 golpes, efetuou hoje também 67 pancadas, o que lhe permitiu manter o comando isolado da prova, dotada de 375.000 euros em prémios, com menos um 'shot' do que Melo Gouveia (133 contra 134 do golfista português).

Já com o cartão para o European Tour de 2016 assegurado, o golfista português chegou a Omã com prémios totais de 157.592 euros, à frente do francês Sebastien Gros (153.612) e do espanhol Borja Virto Astudillo (135.612), segundo e terceiro do 'ranking', respetivamente.

Os mais diretos perseguidores de Melo Gouveia na corrida pela liderança do 'ranking' continuam longe do português: Astudillo é 22.º classificado, depois de hoje ter realizado 71 pancadas, e Gros, que necessitou de mais três (74), segue no 26.º lugar.

O golfista algarvio, que em 2015 venceu um torneio e somou mais 10 classificações no 'top 10', poderá tornar-se o primeiro português a vencer a ordem de mérito de um circuito internacional de golfe.

Lusa

  • "Não partilhei SMS com ninguém"
    0:43

    Caso CGD

    António Domingues afirma que nunca revelou o conteúdo das mensagens trocadas com o ministro das Finanças sobre a entrega das declarações de património ao Tribunal Constitucional. O tema dos SMS foi abordado pelo ex-presidente da Caixa na sequência de uma pergunta do PCP sobre declarações feitas por António lobo Xavier no programa da SIC Notícias "Quadratura do Círculo".

  • "As regras europeias de bem estar animal são dogmas", diz diretor-geral de Veterinária
    1:32

    País

    O diretor-geral de Alimentação e Veterinária considera que as regras de bem estar animal que existem na União Europeia (UE) "parecem configurar uma transfiguração antropomórfica dos animais". Em declarações à SIC, a propósito da exportação de animais vivos para países terceiros, que têm outras regras de abate, Fernando Bernardo defendeu ainda que o método usado em Israel provoca uma insensibilização mais rápida do que o praticada na UE.

  • PAN questiona Governo sobre aposta na exportação de animais vivos para o Médio Oriente
    1:56

    País

    O partido Pessoas-Animais-Natureza lembra que à luz do Regulamento nº. 1/2005 do Conselho Europeu, os estados-membros da União Europeia (UE) devem evitar transportar animais vivos em viagens de longo curso. O deputado André Silva considera, por isso, que "o Estado português está a incumprir o regulamento" ao fomentar estas viagens, numa clara aposta económica em torno da exportação de animais vivos para Israel e outros destinos fora da UE. Para o deputado do PAN, é muito difícil ou "mesmo impossível assegurar o bem estar dos animais" em viagens de vários dias.

  • Trump pensou que presidência "seria mais fácil"

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos Donald Trump afirmou que a Presidência é mais difícil do que pensava e que tem saudades da vida que levava antes, em entrevistas a propósito dos primeiros 100 dias em funções.