sicnot

Perfil

Desporto

Lito Vidigal quer Arouca "mais ambicioso" para vencer Sporting

O treinador do Arouca, Lito Vidigal, disse esta sexta-feira que espera, no domingo, um Sporting "na máxima força", na 10ª jornada da I Liga de futebol, e pediu para os seus jogadores serem mais ambiciosos que o rival.

"Acho que estes jogadores têm tido uma prestação muito boa e os resultados são meritórios para valorizar o trabalho que os jogadores têm tido", elogiou o técnico do Arouca.

"Acho que estes jogadores têm tido uma prestação muito boa e os resultados são meritórios para valorizar o trabalho que os jogadores têm tido", elogiou o técnico do Arouca.

Lusa

"O Sporting tem um coletivo forte, jogadores que individualmente conseguem desequilibrar, tem um bom treinador, é um clube que luta todos os anos por títulos. Não nos podemos comparar, de forma alguma. O único aspeto que podemos comparar, e temos que ser melhores que eles, é na ambição. Os meus jogadores têm de ser mais ambiciosos que eles se quiserem vencer", afirmou o técnico do Arouca na conferência de imprensa de antevisão ao jogo de Arouca.

Lito Vidigal acredita que o Arouca-Sporting "vai ser um jogo extremamente difícil", no qual a sua equipa terá de "trabalhar muito para que as suas possibilidades se tornem realidade", tendo em conta as alterações apresentadas quinta-feira pelo Sporting no jogo com o Skenderbeu, na Albânia, para a Liga Europa (derrota dos 'leões' por 3-0).

"Os jogadores que têm vindo a jogar com mais frequência o [Jorge] Jesus deu-lhes descanso, fez as ditas rotações, mesmo pensado no nosso jogo. Vamos ter aqui um Sporting forte, na máxima força, mas temos de trabalhar e depois encarar o jogo com a responsabilidade que o jogo acarreta, mas acreditando que é possível vencer", disse.

O treinador do Arouca desvalorizou o fator casa, alegando que a sua equipa tem de jogar para ganhar em qualquer campo e garantiu gostar da pressão que estes jogos acarretam.

"Nós queremos pressão e temos que ter pressão para ganhar sempre. Se calhar por isso, por queremos pressão, é que só perdemos um jogo. Este ano estamos em todas as competições e só perdemos um jogo, contra o FC Porto. Por isso acho que estes jogadores têm tido uma prestação muito boa e os resultados são meritórios para valorizar o trabalho que os jogadores têm tido", elogiou.

O Arouca, nono classificado, com 12 pontos, recebe no domingo, a partir das 20:30, o Sporting, líder, com 23, no Municipal de Arouca, num jogo com arbitragem de Cosme Machado (Braga).

Lusa

  • Sporting goleado pelo Skenderbeu na Liga Europa

    Liga Europa 2015/2016

    O Sporting foi esta quinta-feira derrotado pelo Skenderbeu, por 3-0, em Elbasan, Albânia, na 4ª jornada do grupo H da Liga Europa. Lilaj (2) e Nimaga fizeram os golos do triunfo albanês. Com esta derrota, os leões, que jogaram com menos um jogador desde o minuto 18, devido à expulsão de Rui Patrício, mantiveram o 3º lugar do grupo, com 4 pontos, menos dois que o Besiktas e menos quatro que o Lokomotiv de Moscovo, que, no outro jogo do grupo, empataram a um golo na Turquia.

  • Governo quer aumentar fiscalização a baixas fraudulentas
    1:10

    País

    O Governo quer criar uma bolsa de médicos para fiscalizar quem recebe o subsídio por doença. A intenção foi manifestada à TSF pela secretária de Estado da Segurança Social. Em 2016 foram detetados mais de 56 mil trabalhadores com baixa médica que afinal estavam aptos para trabalhar.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.