sicnot

Perfil

Desporto

Cruyff elogia trabalho dos médicos que o tratam a um cancro no pulmão

O antigo internacional holandês Johan Cruyff elogiou hoje o "trabalho excecional" dos médicos que o estão a tratar a um cancro no pulmão, observando que a sucessão de acontecimentos no futebol lhe deixa pouco tempo para se preocupar.

Johan Cruyff foi ainda mais específico, dizendo que Kroos nem sequer foi nomeado, enquanto Cristiano Ronaldo, vencedor do troféu nos dois últimos anos, "foi invisível durante o Mundial [ganho pela Alemanha]". (Arquivo)

Johan Cruyff foi ainda mais específico, dizendo que Kroos nem sequer foi nomeado, enquanto Cristiano Ronaldo, vencedor do troféu nos dois últimos anos, "foi invisível durante o Mundial [ganho pela Alemanha]". (Arquivo)

© STRINGER Mexico / Reuters

"Estão a passar-se tantas coisas no futebol e eu amo tanto [a modalidade] que não tenho tempo para me preocupar. E se me preocupo tão pouco é também devido ao trabalho excecional dos médicos", disse Cruyff, de 68 anos, no artigo de opinião que assina no diário De Telegraaf.

O antigo futebolista e treinador, que deixou de fumar e se tornou num símbolo da luta antitabágica desde que foi operado ao coração, em 1991, confirmou há cerca de duas semanas que sofre de um cancro no pulmão.

Cruyff foi campeão da Europa pelo Ajax em 1971, 1972 e 1973, mudando-se em seguida para o FC Barcelona, pelo qual apenas conseguiu o cetro europeu enquanto treinador, conduzindo os catalães ao seu primeiro título continental em 1992.

Lusa

  • Partidos vão apresentar propostas alternativas à descida da TSU
    2:52

    TSU

    O Presidente da República defende a redução da Taxa Social Única mas deixa a porta aberta a outra via para compensar o aumento do salário mínimo. PCP e Bloco de Esquerda insistem que não pode haver contrapartidas que estimulem os salários baixos mas admitem outras formas de aliviar as empresas. À direita, também o CDS irá apresentar propostas.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.

  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.