sicnot

Perfil

Desporto

Ibrahimovic recebe de Figo o prémio de melhor futebolista sueco

O avançado Zlatan Ibrahimovic ganhou esta segunda-feira a Bola de Ouro da Suécia pela décima vez, recebendo das mãos do português Luís Figo o prémio que distingue anualmente o melhor futebolista daquele país.

"Foi uma grande honra [a presença de Luís Figo]. Eu tenho muitas boas memórias de Luís Figo. Tanto de quando jogámos juntos [pelo Inter Milão] como de quando ele representou outras equipas. Vê-lo jogar era mágico", disse Ibrahimovic.

"Foi uma grande honra [a presença de Luís Figo]. Eu tenho muitas boas memórias de Luís Figo. Tanto de quando jogámos juntos [pelo Inter Milão] como de quando ele representou outras equipas. Vê-lo jogar era mágico", disse Ibrahimovic.

© TT News Agency / Reuters

O jogador do Paris Saint-Germain, de 34 anos, venceu o troféu pela primeira vez em 2005, 'falhou' no ano seguinte, e foi premiado consecutivamente desde 2007, recebendo este ano também o prémio de melhor avançado sueco durante a cerimónia.

"Foi uma grande honra [a presença de Luís Figo]. Eu tenho muitas boas memórias de Luís Figo. Tanto de quando jogámos juntos [pelo Inter Milão] como de quando ele representou outras equipas. Vê-lo jogar era mágico", disse Ibrahimovic.

O avançado é o melhor marcador da equipa nacional, com 59 golos, e também do emblema parisiense, com 115 golos, tendo ultrapassado o português Pauleta, tudo em competições oficiais.

Lusa

  • Incêndios causaram 76 feridos no espaço de uma semana
    0:34

    País

    No espaço de uma semana, 76 pessoas ficaram feridas, incluindo seis com gravidade, durante os incêndios florestais. Na conferência de imprensa desta tarde, a Proteção Civil explicou que há cinco planos municipais de emergência ativos por causa das chamas.

  • Marine devolve bandeira do Japão 73 anos depois 
    2:13

    Mundo

    Setenta e três anos depois da batalha mais sangrenta do Pacífico, um veterano dos Estados Unidos cumpriu uma promessa pessoal. Marvin Strombo devolveu à família a bandeira da sorte de um soldado japonês, morto em 1944, em Saipan, na II Guerra Mundial. 

  • Autoridades usam elefantes para resgatar pessoas das cheias na Ásia
    1:31

    Mundo

    Mais de 215 pessoas morreram nas inundações que estão a devastar o centro da Ásia, e estima-se que três milhões tiveram de abandonar as casas. As autoridades estão a usar elefantes para resgatar locais e turistas das zonas mais afetadas e avisam que há dezenas de pessoas desaparecidas.