sicnot

Perfil

Desporto

Gonçalo Guedes e Rúben Neves espreitam a estreia na seleção nacional

A seleção portuguesa de futebol começou hoje a preparar os encontros particulares com Rússia e Luxemburgo, com um treino no Estádio Nacional que já contou com a presença de Rúben Neves e em que André Gomes apresentou limitações. Destaque ainda para Gonçalo Guedes, avançado do Benfica, que tal como Rúben Neves realizou o seu primeiro treino na seleção principal.

Gonçalo Guedes em ação durante a sessão de treino hoje no estágio da seleção, no Estádio Nacional, Lisboa

Gonçalo Guedes em ação durante a sessão de treino hoje no estágio da seleção, no Estádio Nacional, Lisboa

MARIO CRUZ/ LUSA

Chamado à última hora para substituir João Moutinho, que foi dispensado devido a lesão, Neves juntou-se à seleção principal em Cascais já de madrugada (estava com os sub-21 em São João da Madeira) e esta manhã esteve às ordens do selecionador Fernando Santos, no Jamor.

Nos primeiros 15 minutos abertos à comunicação social, André Gomes, médio do Valência, foi o único jogador que apresentou algumas limitações, tendo realizado trabalho específico à parte do grupo. Nesse período, os restantes 22 convocados por Fernando Santos efetuaram os habituais exercícios de aquecimento.

Na quarta-feira, Portugal volta a treinar, novamente no Estádio Nacional, numa sessão que está agendada para as 10:30 e em que os primeiros 15 minutos serão abertos à comunicação social. Antes, dois jogadores estarão disponíveis em conferência de imprensa, também no Jamor.

Portugal, que assegurou a presença no Europeu do próximo ano após ter vencido o Grupo I de qualificação, defronta a Rússia a 14 de novembro, em Krasnodar, e três dias depois desloca-se ao Luxemburgo.

Certa é a ausência do capitão Cristiano Ronaldo, que foi poupado por Fernando Santos para os dois últimos jogos da formação lusa este ano e que servem de preparação para a fase final do Europeu de 2016, que vai decorrer em França.

Com Lusa

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.