sicnot

Perfil

Desporto

Iker Casillas distinguido com a Grande Cruz da Real Ordem de Mérito Desportivo

Iker Casillas, 'capitão' de seleção espanhola de futebol e guarda-redes do FC Porto, foi hoje distinguido, pelo presidente do governo espanhol a Grande Cruz da Real Ordem de Mérito Desportivo, prémio que dedicou à mulher e ao filho.

© Andrea Comas / Reuters

Casillas recebeu das mãos de Mariano Rajoy a maior condecoração individual atribuída pelo Estado espanhol.

"Dedico esta distinção a todas as pessoas que confiaram em mim ao longo de toda a minha carreira e, em especial, à minha mulher, Sara, e ao meu filho, Martin", afirmou Casillas, o jogador espanhol mais internacional de sempre.

Além de Casillas, o governo espanhol distinguiu o futebolista Xavi Hernandez, que deverá receber o galardão no Catar, onde representa o Al Sadd.

Casillas e Xavi foram distinguidos em 2012 com o prémio Príncipe das Astúrias para o desporto.

Mariano Rajoy afirmou que todos sabem "porque o governo espanhol concedeu a distinção a Casillas", que classificou como "um dos futebolistas mais laureado e querido da história do desporto espanhol".

O presidente do governo espanhol destacou o longo percurso no Real Madrid, o único clube que Casillas representou além do FC Porto, e na seleção espanhol, ao serviço da qua conquistou dois campeonatos da Europa e um Mundial.

Rajoy destacou ainda o facto de Casillas, que chegou ao FC Porto em julho passado, ser "uma pessoa bastante empenhada e dedicada a causas sociais".

Iker Casillas, de 34 anos, chegou ao Real Madrid com nove anos e, ao serviço do clube, conquistou três Ligas dos Campeões, um Mundial de clubes, duas Taças Intercontinentais, duas Supertaças Europeias, cinco Ligas espanholas, duas Taças do Rei e quatro Supertaças de Espanha.

Lusa

  • Sete dos 23 arguidos do caso da Academia de Alcochete já têm cadastro
    1:59

    Crise no Sporting

    Sete dos 23 arguidos do caso da Academia de Alcochete já foram condenados por 22 crimes que cometeram no passado, mas nunca nenhum deles cumpriu pena de prisão ou prisão domiciliária. O juiz decretou a prisão preventiva na sequência das agressões à equipa do Sporting por entender que se tratou de um comportamento chocante, terrorista e a perversão do espírito desportivo.

  • Está a pensar ir à praia? Não se esqueça do guarda-chuva
    0:43
  • MP investiga ministro Siza Vieira, António Costa rejeita incompatibilidades
    2:12

    País

    O Ministério Público decidiu investigar o ministro Adjunto, Pedro Siza Vieira, por alegadas incompatibilidades. O governante criou uma empresa imobiliária um dia antes de tomar posse e manteve-se como gerente durante dois meses. A lei prevê a demissão, mas o primeiro-ministro já disse que se tratou apenas de um erro e o próprio ministro alega desconhecimento da lei.

  • Parceiros sociais retomam hoje discussão sobre legislação laboral

    Economia

    Os parceiros sociais retomam esta tarde a discussão sobre as alterações à legislação laboral nas áreas do combate à precariedade, promoção da negociação coletiva e reforço da inspeção do trabalho. No encontro, marcado para as 15:00 no Conselho Económico e Social (CES), em Lisboa, o ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Vieira da Silva, deverá apresentar um novo documento com alterações face ao que foi proposto aos parceiros sociais há dois meses.

  • EUA expulsa dois diplomatas venezuelanos e dá-lhes 48 horas para deixarem o país

    Mundo

    Os Estados Unidos anunciaram, na quarta-feira, a expulsão de dois diplomatas venezuelanos, aos quais deu um prazo de 48 horas para sairem do país. A decisão é a resposta ao anúncio de Presidente da Venezuela de expulsar o encarregado de negócios e o chefe da secção política da embaixada dos Estados Unidos em Caracas, Todd Robinson e Brian Naranjo, respetivamente.