sicnot

Perfil

Desporto

Presidente da Federação Portuguesa de Futebol hospitalizado no Luxemburgo

​O presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Fernando Gomes, foi esta terça-feira hospitalizado no Luxemburgo, depois de uma indisposição, razão pela qual não marcará presença no jogo entre as seleções dos dois países, informou o organismo.

O presidente da FPF, Fernando Gomes. (Arquivo)

O presidente da FPF, Fernando Gomes. (Arquivo)

MIGUEL A. LOPES / Lusa

"A Federação Portuguesa de Futebol informa que o presidente Fernando Gomes teve esta manhã uma indisposição que os médicos entenderam ser merecedora de exames complementares no hospital local. O presidente da FPF está neste momento em observação, razão pela qual não assistirá, no estádio, ao jogo entre as seleções de Portugal e do Luxemburgo", lê-se numa nota enviada à agência Lusa.

O organismo não dá mais detalhes sobre o estado de saúde de Fernando Gomes, de 63 anos, que chefiou a comitiva portuguesa na deslocação ao Luxemburgo para a realização do segundo de dois jogos particulares, após um encontro com a Rússia no sábado.

Depois da derrota em Krasnodar, por 1-0, a seleção portuguesa defronta o Luxemburgo a partir das 20:30 locais (19:30 em Lisboa), no Estádio Josy Barthel.

Lusa

  • Cinco anos depois do incêndio na Serra do Caldeirão
    5:24
  • Destaques económicos que marcaram a semana
    2:03

    Economia

    A semana ficou marcada pela tragédia provocada pelos incêndios no centro do país. No entanto importa olhar para o que se passou noutras áreas e fazer um resumo das notícias relacionadas com a economia. 

  • Martin Schulz ataca Merkel a três meses das legislativas

    Mundo

    O social-democrata alemão Martin Schulz passou este domingo à ofensiva, a três meses das eleições legislativas, ao acusar Angela Merkel de "arrogância" e de sabotar a "democracia", quando as sondagens apontam para uma larga vantagem da chanceler da Alemanha.

  • Martha, a cadela mais feia do mundo
    0:42

    Mundo

    A cadela Martha, de raça mastim napolitano ficou em primeiro lugar na edição anual do concurso que elege os cães mais feios do mundo. A cadela tem três anos, pesa 57 quilos e foi resgatada pela dona quando estava praticamente cega. Acabou por recuperar a visão depois de várias operações. Martha e a dona receberam um prémio de 1.500 dólares e uma viagem a Nova Iorque para marcarem presença em programas de televisão.