sicnot

Perfil

Desporto

Presidente do Dínamo Zagreb e dirigente da federação croata detidos por fraude

O presidente do Dínamo Zagreb, Zdravko Mamic, e o diretor executivo da Federação Croata de Futebol (HNS), Damir Vrbanovic, foram esta quarta-feira detidos por suspeita de desfalque, suborno e evasão fiscal, refere a agência de notícias Hina.

Esta é a segunda vez que Zdravko Mamic (na imagem), considerado o homem mais poderoso do futebol croata, é detido este ano, depois de em julho ter sido preso juntamente com o irmão e atual treinador do Dínamo Zagreb, Zoran Mamic. (Arquivo)

Esta é a segunda vez que Zdravko Mamic (na imagem), considerado o homem mais poderoso do futebol croata, é detido este ano, depois de em julho ter sido preso juntamente com o irmão e atual treinador do Dínamo Zagreb, Zoran Mamic. (Arquivo)

Igor Kralj / AP

O filho de Zdravko Mamic, Mario Mamic, foi igualmente detido e implicado no mesmo escândalo. As instalações do Dínamo Zagreb, clube dos portugueses Eduardo, Ivo Pinto, Paulo Machado e Gonçalo Santos, foram ainda alvo de uma busca policial.

Esta é a segunda vez que Zdravko Mamic, considerado o homem mais poderoso do futebol croata, é detido este ano, depois de em julho ter sido preso juntamente com o irmão e atual treinador do Dínamo Zagreb, Zoran Mamic.

O diretor executivo da Federação Croata de Futebol, Damir Vrbanovic, que até 2012 integrou a direção do Dínamo, foi detido no aeroporto de Zagreb, quando regressava de uma deslocação ao estrangeiro.

Os detidos são acusados de transferências ilegais para paraísos fiscais, tendo como base transferências suspeitas de jogadores do Dínamo Zagreb através da Mamic Sport Agency, liderada por Mario Mamic.

Entre as suspeitas de desfalque, apropriação de fundos e evasão fiscal, que envolve mais de 30 milhões de euros, encontra-se a transferência de Luka Modric do Dínamo para os ingleses do Tottenham Hotspurs, em 2008.

Lusa