sicnot

Perfil

Desporto

Luisão foi operado e diz que vai voltar "mais forte do que nunca"

O defesa central Luisão, do Benfica, foi hoje operado na sequência da fratura do antebraço esquerdo sofrida durante o jogo com o Sporting, da Taça de Portugal de futebol, e disse que vai voltar "mais forte que nunca".

MARIO CRUZ/ LUSA

Após encontro que o Sporting ganhou por 2-1, qualificando-se para os oitavos de final da Tala, o internacional brasileiro foi transportado ao hospital e foi operado, com o jogador a partilhar uma imagem em que é possível ver a zona afetada já imobilizada.

"Graças a Deus correu tudo bem na cirurgia... Isto é apenas mais um obstáculo para voltar mais forte do que nunca. Obrigado a todos pelo carinho, pelas mensagens. Juntos somos mais fortes", escreveu Luisão na sua conta na rede social Instagram.

Num curto comunicado, o Benfica também deu conta da realização da operação, mas ainda não revelou o tempo de paragem do defesa central, embora o jogador deva ficar ausente dos relvados durante algumas semanas, falhando já na quarta-feira o jogo da Liga dos Campeões com o Astana, no Cazaquistão.

"Luisão foi, esta madrugada, operado a fratura multiesquirolosa do cúbito esquerdo, no Hospital da Luz, numa cirurgia conduzida pelo médico ortopedista, Dr. António Martins. O atleta terá alta clínica nas próximas horas", lê-se na nota publicada pelos 'encarnados' pouco antes das 15:00.

O médio argentino Gaitán, que está suspenso da próxima jornada da Champions, também foi transportado ao hospital no fim do jogo, devido a um traumatismo craniano sem perda de conhecimento.

Lusa

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Segunda-feira no Jornal da Noite