sicnot

Perfil

Desporto

Eurodeputada pede exclusão de Benzema da seleção francesa

​A eurodeputada francesa Nadine Morano pediu a exclusão do futebolista Karim Benzema da seleção, na sequência da polémica gerada pela ação do avançado antes do jogo Real Madrid-Barcelona, ao cuspir após a execução do hino francês.

Benzema, de 27 anos, falhou os últimos jogos internacionais da França, tendo sido formalmente acusado de cumplicidade na tentativa de chantagem ao colega de seleção Mathieu Valbuena.

Benzema, de 27 anos, falhou os últimos jogos internacionais da França, tendo sido formalmente acusado de cumplicidade na tentativa de chantagem ao colega de seleção Mathieu Valbuena.

© Eric Gaillard / Reuters

"Este ato demonstra desprezo e insulta as vítimas [dos atentados terroristas em Paris], as suas famílias e toda a nação", escreveu Morano, defendendo que Benzema "não é digno de representar a França" e pedindo a sua "exclusão definitiva" da seleção.

As imagens televisivas mostram Benzema a cuspir após a conclusão do hino francês, que foi tocado antes do início do jogo entre o Real Madrid e o Barcelona (0-4), em homenagem às vítimas dos atentados terroristas de 13 de setembro, que provocaram 130 mortos.

Benzema, de 27 anos, falhou os últimos jogos internacionais da França, tendo sido formalmente acusado de cumplicidade na tentativa de chantagem ao colega de seleção Mathieu Valbuena, a 5 de novembro.

Lusa

  • Caixa multibanco assaltada em Portugal a cada dois dias
    2:43

    País

    O semanário Expresso conta que a mulher que morreu vítima de um disparo de agentes da PSP foi atingida pelas costas. O caso está a ser investigado pela PJ, que procura encaixar as peças da noite que acabou com uma morte inocente mas que começou com uma perseguição a um grupo de assaltantes de um multibanco. Assaltos que são cada vez mais comuns e que preocupam o Governo. A cada dois dias, uma caixa é assaltada.

  • Metro de Lisboa vai reduzir consumo de água

    País

    O Metro de Lisboa colocou em prática um programa para reduzir o consumo de água devido à situação de seca em Portugal, respondendo assim ao apelo do Ministério do Ambiente, segundo um comunicado divulgado este sábado.