sicnot

Perfil

Desporto

Benfica pode qualificar-se em Astana para os oitavos da Liga dos Campeões

O Benfica entra hoje em campo na Liga dos Campeões em futebol, com a possibilidade de garantir desde já o apuramento para os oitavos de final da competição, quatro dias depois de perder com o Sporting.

Daniel Ochoa de Olza

A 'Champions' tem sido a exceção, pela positiva, na época do bicampeão português, depois de perder a Supertaça (com o Sporting, 1-0), estar a realizar um campeonato sofrível e a ter sido eliminado na Taça de Portugal, novamente com os 'leões' (2-1 após prolongamento).

Em contraponto surge a Liga dos Campeões, na qual o Benfica lidera o grupo C e pode qualificar-se já para a fase seguinte, se vencer o Astana ou até mesmo perder, se o Galatasaray não conseguir vencer também hoje na sua visita ao Atlético Madrid.

O treinador do Benfica, Rui Vitória, não poderá contar com os titulares Gaitán, castigado, e Luisão, que no sábado sofreu uma fratura no antebraço, além de Nelson Semedo, Salvio ou Fejsa, todos lesionados.

"Queremos que a motivação nesta competição se sobreponha aquilo que não foi tão agradável [o dérbi]. É um jogo completamente diferente, num contexto diferente e no qual queremos selar essa passagem aos oitavos de final", disse na terça-feira Rui Vitória

O jogo com os cazaques tem início marcado para as 21:00 locais (15:00 em Lisboa), com arbitragem do francês Ruddy Buquet.

Na terça-feira, o FC Porto complicou as contas do apuramento para a fase seguinte, ao perder em casa com o Dínamo de Kiev, por 2-0.

  • Obama diz que Guterres "tem uma reputação extraordinária"
    1:38

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar com Barack Obama e também com Donald Trump, na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido por Obama, na Casa Branca, onde recebeu vários elogios do presidente norte-americano.

  • Mãe do guarda-redes da Chapecoense comove o Brasil
    1:37
  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.

  • Tribunal chinês iliba jovem executado há 21 anos

    Mundo

    Nie Shubin foi fuzilado em 1995, na altura com 20 anos, depois de ter sido condenado por violação e assassinato de uma mulher, na cidade de Shijiazhuang. Agora, a justiça chinesa vem dizer que, afinal, o jovem era inocente, uma vez que não foram encontradas provas suficientes para o condenar.