sicnot

Perfil

Desporto

Benfica acusa dirigentes do Sporting e Jesus de coação sobre árbitros

O Benfica anunciou hoje participações disciplinares contra vários dirigentes do Sporting. Em causa está o que considera ser "exercício e abuso de influência" e "coação sobre árbitros". Bruno de Carvalho, Jaime Marta Soares, Octávio Machado e o próprio treinador Jorge Jesus são os visados.

(Arquivo)

(Arquivo)

ANDRE ALVES / AP

Num comunicado colocado ao final da manhã no site do clube, os encarnados anunciam que vão apresentar participações disciplinares sobre vários dirigentes do Sporting:

"Nessas participações constam comportamentos que se enquadram na prática de ilícitos disciplinares muito graves e/ou graves, tais como, entre outros, “exercício e abuso de influência”, “coacção sobre árbitros”, “declarações sobre arbitragem antes dos jogos”, “declarações sobre a organização das competições” e “lesão da honra e da reputação dos órgãos da estrutura desportiva e dos seus membros, árbitros e demais agentes”."

O Benfica decidiu apresentar participações na Comissão de Instrução e Inquéritos da Liga, mas reserva-se o direito de levar o caso à Secretaria de Estado do Desporto e da Juventude.

  • Troika nem sempre protegeu os mais vulneráveis, conclui avaliação do FMI

    Economia

    O organismo de avaliação independente do FMI concluiu que as medidas aplicadas pela troika em Portugal nem sempre protegeram as pessoas com menos rendimentos, apontando que a primeira preocupação do Fundo era a redução dos défices, apurou o gabinete independente de avaliação do Fundo Monetário Internacional (FMI),