sicnot

Perfil

Desporto

Casillas quer festejar títulos do FC Porto nos Aliados

O guarda-redes de futebol espanhol Iker Casillas disse esta quinta-feira, na inauguração de uma loja de uma marca desportiva, que espera festejar vários títulos ao serviço do FC Porto ainda esta época.

"Não ganhamos nada há dois anos e queremos regressar rapidamente às vitórias. Os adeptos pedem isso e vamos fazer todos os possíveis para lhes dar essas alegrias.", disse o internacional espanhol.

"Não ganhamos nada há dois anos e queremos regressar rapidamente às vitórias. Os adeptos pedem isso e vamos fazer todos os possíveis para lhes dar essas alegrias.", disse o internacional espanhol.

© Rafael Marchante / Reuters

Iker Casillas esclareceu que já conhece bem a Avenida dos Aliados, o palco das festas das conquistas do FC Porto, e mostrou a vontade de festejar um título já em maio.

"Já passei por lá algumas vezes. Espero que esteja lá toda a gente, em maio, a festejar o maior número de títulos possíveis connosco", começou por referir o jogador do FC Porto.

O internacional espanhol acrescentou: "Não ganhamos nada há dois anos e queremos regressar rapidamente às vitórias. Os adeptos pedem isso e vamos fazer todos os possíveis para lhes dar essas alegrias."

Casillas classifica o FC Porto como um desafio novo na sua vida, mas espera que continue com a mesma tendência.

"É verdade que já conquistei vários troféus ao longo da minha carreira ao serviço do Real Madrid. Mas agora tenho um novo desafio no FC Porto e espero continuar com as conquistas, apesar das dificuldades. O campeonato espanhol era difícil, mas o português também o é", explicou.

O guardião dos 'dragões' lembrou ainda que "os guarda-redes estão sempre em mais destaque do que os restantes jogadores, principalmente quando sofrem 'frangos'", mas esclareceu "que isso faz parte do futebol e que é importante aprender com os erros".

Lusa

  • O fim do julgamento do caso BPN, seis anos depois
    2:26

    País

    O antigo presidente do BPN José Oliveira Costa tentou adiar o fim do julgamento principal do caso com um recurso para o Tribunal Constitucional. Apesar disso, a leitura do acórdão continua marcada para esta quarta-feira, quase seis anos e meio depois de os 15 arguidos se terem sentado pela primeira vez no banco dos réus.

  • José Oliveira Costa, o rosto do buraco financeiro do BPN
    3:04

    País

    José Oliveira Costa foi o homem forte do BPN durante 10 anos e tornou-se o rosto do gigantesco buraco financeiro. Manteve-se em silêncio durante todo o julgamento, mas falou aos deputados da comissão de inquérito, para negar qualquer envolvimento no escândalo que fez ruir o BPN.

  • Saída do Procedimento por Défice Excessivo marca debate no Parlamento
    1:40
  • Filhos tentam anular casamento de pai de 101 anos

    País

    O casamento de um homem de 101 anos com uma mulher com metade da idade, em Bragança, está a ser contestado judicialmente pelos filhos do idoso, que acusam aquela que era empregada da família de querer ser herdeira.