sicnot

Perfil

Desporto

FIFA admite dificuldades em conseguir patrocínio após casos de corrupção

O diretor de Marketing da FIFA, Thierry Weil, admitiu hoje que o organismo máximo do futebol internacional teve "dificuldades" para encontrar novos patrocinadores depois dos escândalos de corrupção que afetam a instituição.

Diretor de Marketing da FIFA, Thierry Weil.

Diretor de Marketing da FIFA, Thierry Weil.

Thierry Weil, que falava numa conferência de imprensa na capital nipónica, onde anunciou um novo patrocinador para o Mundial de Clubes, o gigante chinês da internet Alibaba, admitiu que "seria errado" dizer que o organismo não está a sentir "dificuldades devido às circunstâncias em torno da FIFA nestes momentos".

"Não é fácil vender [a marca FIFA]. Estamos em conversações com várias empresas, mas somos realistas e sabemos que isto não mudará enquanto não forem introduzidas reformas e se eleger um novo presidente em fevereiro", disse o responsável quando questionado pela comunicação social sobre os danos infligidos pelas notícias de corrupção associadas à instituição.

A crise no organismo viveu um novo capítulo na semana passada, com a detenção na Suíça de 16 quadros dirigentes e ex-dirigentes da FIFA, suspeitos de envolvimento numa rede gigantesca de corrupção.

As investigações pela justiça dos Estados Unidos começaram em maio, quando foram detidos outros sete dirigentes da FIFA acusados de receberem subornos, lavagem de dinheiro e fraude na instituição presidida por Joseph Blatter, que está suspenso do cargo desde o passado dia 8 de outubro.

Lusa

  • O percurso dos rendimentos de Ronaldo
    3:43

    Desporto

    O Ministério das Finanças espanhol abriu uma investigação a Cristiano Ronaldo, por eventuais irregularides na declaração dos rendimentos da publicidade. A Gestifute, empresa do agente do avançado do Real Madrid, garante que Ronaldo tem os impostos em dia. A investigação aos documentos extraídos da plataforma informática Football Leaks, liderada pela revista alemã Der Spiegel, e da qual faz parte o jornal Expresso, conseguiu traçar o percurso dos rendimentos do melhor jogador do mundo.

  • Fábio Coentrão investigado por suspeita de delitos fiscais
    3:37

    Desporto

    O Ministério Público de Madrid acusou o defesa português Ricardo Carvalho de evasão fiscal e está a investigar Fábio Coentrão por eventuais delitos fiscais. Além dos dois portugueses a justiça acusou ainda o espanhol Xabi Alonso, o argentino Ángel Di María e investiga o colombiano Falcão. As investigações surgem depois da revelação do caso Football Leaks, investigada pelo Expresso e pelo consórcio europeu de jornalistas que tiveram acesso a milhões de documentos.

  • Votações sobre o mapa judiciário geram tensão no Parlamento
    2:01

    País

    O momento das votações no Parlamento ficou marcado por alguma tensão. Depois de aprovadas, em comissão, as alterações ao mapa judiciário, o PSD opôs-se a que o diploma fosse votado em plenário, uma vez que não fazia parte da versão inicial do guião de votações. A esquerda acusou os sociais-democratas de terem motivações estritamente políticas e não regimentais.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • As primeiras palavras de um dos sobreviventes da Chapecoense
    0:29
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.