sicnot

Perfil

Desporto

José Mourinho diz que vai cumprir contrato com Chelsea até ao fim

O português José Mourinho, treinador do Chelsea, afastou hoje a possibilidade de ser despedido do comando técnico dos 'blues', assegurando que lhe faltam três anos e meio de contrato e que os pretende cumprir.

Tim Ireland

"Vejo-me a cumprir o meu contrato com o Chelsea. Faltam-me ainda três anos e meio. Vejo-me com capacidade para treinar qualquer equipa do mundo, mas haverá clubes que nunca orientarei", frisou o treinador, em conferência de antevisão do jogo com o Leicester, líder da liga inglesa.

O Chelsea, campeão em título, e que atravessa uma das piores épocas sob o comando de José Mourinho, é 14.º na Liga Inglesa de futebol e, na última jornada, perdeu em Stamford Bridge frente ao promovido Bournemouth (1-0).

"Antes de perder o jogo com o Bournemouth, estava convencido que iríamos acabar em quarto e que teríamos um grande mês de dezembro. Tenho que ser honesto e dizer que a última derrota era algo que não pensei possível", referiu Mourinho.

O treinador considerou que existem clubes que estão muito bem e outros que não estão a nível que estiveram no ano passado: "agora é muito difícil ganhar três, quatro, cinco ou dez jogos consecutivos".

Mourinho defende que os 'blues' vão continuar a tentar subir na tabela e lutar pelo quarto lugar enquanto for "matematicamente possível", considerando que a equipa melhorou imenso nos jogos com o Tottenham (0-0, fora) e com o FC Porto (2-0, em casa).

Os campeões ingleses venceram na quarta-feira os 'dragões' na última jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões, num jogo que deu o primeiro lugar no Grupo G e apuramento ao Chelsea e ditou a eliminação do FC Porto, relegado para a Liga Europa.

Na segunda-feira o Chelsea visita o 'surpreendente' líder Leicester, na 16.ª jornada do campeonato, um adversário que Mourinho diz ter argumentos para vencer a Liga Inglesa, a qual lidera com mais dois pontos do que o Arsenal.

"Merecem estar onde estão. Há umas semanas disse que não pensava que pudessem terminar como campeões, mas se calhar tenho que reconsiderar. Seria algo maravilhoso, algo que impressionaria o mundo do futebol", sublinhou o técnico.

O treinador português lembrou ainda que há um ano este mesmo Leicester era último na Liga e que o técnico italiano Claudio Rainieri tinha sido despedido de selecionador da Grécia, depois de perder com as Ilhas Faroé.

Lusa

  • Presidente do Tondela diz que clube foi humilhado
    1:26

    Desporto

    O presidente do Tondela participou esta segunda-feira na conferência de imprensa após o jogo da 23.ª jornada da I Liga com o Sporting. Gilberto Coimbra criticou o árbitro do encontro João Capela, e diz que o tempo de compensação dado a mais foi por uma falta que não foi assinalada sobre um jogador do Tondela, Bruno Monteiro.

  • Último golo do Sporting ao Tondela "é legal e limpinho" 
    0:41

    Desporto

    Jorge Jesus entende que a vitória desta segunda-feira do Sporting frente ao Tondela não merece contestação e destaca o facto de o árbitro ter avisado os jogadores que iria prolongar o tempo extra. Para o treinador dos leões, o golo no minuto 99' é legal. 

  • Deputados pedem medidas urgentes para travar exploração de urânio junto à fronteira
    3:06

    País

    Um projeto de exploração de urânio no município de Retortilho em Salamanca, a cerca de 40 quilómetros da fronteira portuguesa, está a causar preocupação nos dois países. Portugueses e espanhóis temem o risco de contaminação por via aérea e fluvial. Deputados portugueses visitaram o local, onde pediram medidas firmas e urgentes ao Governo para travar o projeto. As autoridades de Espanha não acionaram o mecanismo de avaliação ambiental partilhada.

  • Mulher enterrada viva no Brasil
    1:13

    Mundo

    Uma mulher de 37 anos terá sido enterrada viva no oeste da Bahia, no Brasil. A certidão de óbito aponta um choque séptico como a causa da morte, mas os ferimentos com que foi encontrada no interior do caixão indicam um possível erro. Os moradores de casas vizinhas do cemitério municipal onde Rosângela dos Santos foi enterrada ouviram gritos vindos do túmulo.

  • "Os Estados Unidos são uma sociedade de pistoleiros"
    3:47
  • Trump desafia Oprah a candidatar-se para ser derrotada

    Mundo

    Apesar de Oprah Winfrey ter excluído uma eventual candidatura às eleições presidenciais dos Estados Unidos da América, Donald Trump ainda não se esqueceu dos rumores e desafiou a apresentadora a candidatar-se em 2020. Através do Twitter, o Presidente norte-americano disse ainda que assim poderia ser "exposta e derrotada como todos os outros".

    SIC