sicnot

Perfil

Desporto

Jackson Martinez regressa aos treinos do Atlético de Madrid um mês após a lesão

O futebolista internacional colombiano Jackson Martinez, jogador que se transferiu na última época do FC Porto para o Atlético Madrid, regressou hoje aos treinos dos 'cholchoneros, após um mês de baixa.

© Susana Vera / Reuters

Jackson Martinez falhou sete jogos do Atético, entre os quais a visita ao Benfica na última semana (vitória por 2-1), na Liga dos Campeões, depois de se ter lesionado no tornozelo esquerdo no jogo entre o Chile e a Colômbia, a 12 de novembro.

A dois dias do embate na Taça do Rei, frente ao Reus, no Estádio Vicente Calderón, o técnico argentino Diego Simeone volta assim a contar com Jackson, avançado que tem três golos em 15 jogos, mas apenas dois com os 90 minutos disputados.

O jogador, que na última época foi o melhor marcador na I Liga portuguesa, com 21 golos, falhou desde novembro os jogos com Bétis, Galatasaray (LC), Espanyol, Reus, Granada, Benfica (LC) e Athletic Bilbau.

Fora da segunda mão da quarta eliminatória da Taça do Rei, após o Atlético ter vencido por 2-1 no primeiro jogo, estará o médio português Tiago, jogador que na sexta-feira tirou os pontos, após ter sido operado a uma fratura na tíbia.

O jogador português, operado a 29 de novembro, enfrenta uma paragem de quatro meses mas ainda poderá ter hipóteses de fazer parte das escolhas de Fernando Santos para o Euro2016, numa seleção em que vinha sendo opção.

Lusa

  • "Este é o elefante na sala sobre a saúde!"
    1:43

    País

    Catarina Martins acusa o Governo de estar alinhado com a direita na promoção de negócios privados na área da saúde. O Bloco de Esquerda quer uma nova lei de bases aprovada até ao final da legislatura e arrancou ontem com um ciclo nacional de sessões públicas para defender o Serviço Nacional de Saúde.

  • Marido de idosa que morreu na Sertã teve de caminhar durante duas horas para pedir ajuda
    1:44

    País

    A Altice garantiu esta sexta-feira que tentou agendar, por duas vezes, a reposição da linha telefónica na casa da idosa da Sertã, que morreu na semana passada por não ter comunicações que permitissem um socorro rápido. A mulher sentiu-se mal e o marido teve de caminhar durante duas horas para conseguir chegar à casa do vizinho mais próximo e pedir ajuda.

  • "No meu bairro perguntam-me se a medalha é de ouro e dizem que ma vão roubar e vender"
    4:46
  • Como é que alguém (Rúben Semedo) com tanto pode perder tudo?
    3:05