sicnot

Perfil

Desporto

PSG nos quartos da Taça da Liga francesa, Mónaco eliminado

O Paris Saint-Germain, detentor do título, apurou-se esta quarta-feira para os quartos de final da Taça da Liga francesa de futebol com um triunfo caseiro sobre o Saint-Étienne, por 1-0, numa ronda em que o Mónaco ficou pelo caminho.

Paris Saint-Germain, Bordéus, Lyon e Marselha juntam-se a Toulouse, Lorient, Lille e Guingamp, que já tinham garantido um lugar nos quartos de final.

Paris Saint-Germain, Bordéus, Lyon e Marselha juntam-se a Toulouse, Lorient, Lille e Guingamp, que já tinham garantido um lugar nos quartos de final.

IAN LANGSDON / Lusa

No Parques dos Príncipes, a formação de Laurent Blanc, que tem sido esta temporada dominadora em França, só resolveu a eliminatória aos 86 minutos, graças a um remate certeiro do avançado uruguaio Edison Cavani, no jogo que encerrou os oitavos de final.

Antes, o Mónaco, treinado por Leonardo Jardim, foi eliminado depois de sofrer uma pesada derrota em Bordéus, por 3-0, com três portugueses na equipa titular.

Ricardo Carvalho, Bernardo Silva e Ivan Cavaleiro foram apostas do técnico madeirense, num encontro em que Ounas, aos 16 minutos, o uruguaio Rolan, aos 57, e o senegalês Saivet, aos 88, fizeram os golos da formação da casa.

Perante o Tours, da segunda divisão, o Lyon assegurou a continuidade na prova com um triunfo em casa por 2-1, com um 'bis' de Beauvue, enquanto Tandia fez o tento dos forasteiros.

Habitual titular do Lyon, desta vez o guarda-redes internacional português Anthony Lopes ficou no banco de suplentes.

Destaque ainda para o apuramento do Marselha, que foi ao campo do Bourg-en-Bresse, do segundo escalão, vencer por 3-2.

Paris Saint-Germain, Bordéus, Lyon e Marselha juntam-se a Toulouse, Lorient, Lille e Guingamp, que já tinham garantido um lugar nos quartos de final.

Lusa

  • A casa dos horrores
    7:57
  • PGR e presidente do Supremo deixam recado à ministra da Justiça
    2:45

    País

    Durante a abertura do ano judicial, a Procuradora-Geral da República e o presidente do Supremo Tribunal aproveitaram para deixar um recado à ministra da Justiça: é urgente aprovar o novo estatuto de juízes e magistrados. O presidente do Supremo diz que é injusta a má imagem da Justiça e pediu contenção aos magistrados.

  • Rui Rio tem sentido "alguma turbulência" no PSD
    2:01

    País

    Rui Rio e Pedro Passos Coelho tiveram esta quinta-feira a primeira reunião, desde que foi eleito o novo líder do PSD. À saída, Passos Coelho desejou que esta transição decorra com naturalidade. Já Rui Rio disse que tem sentido alguma turbulência no partido.

  • Sindicatos rejeitam fim das baixas médicas até três dias
    2:02

    País

    A CGTP quer levar o tema das baixas médicas à Concertação Social, já a UGT diz que há outras matérias prioritárias. Ainda assim as duas centrais sindicais lembram que a não justificação de faltas pode dar origem a um despedimento por justa causa. Esta quinta-feira o bastonário da Ordem dos Médicos propôs ao Governo que acabe com as baixas de curta duração, até três dias.

  • Papa interrompe percurso no Chile para ajudar polícia
    0:21
  • "Mundo à Vista" no Gana
    7:38