sicnot

Perfil

Desporto

Sporting confirma acordo com a Nos

O Sporting comunicou esta terça-feira à Comissão de Mercados e Valores Mobiliários (CMVM) um acordo com a operadora Nos avaliado em 446 milhões de euros.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Rafael Marchante / Reuters

Em comunicado, os leões informam que vendem à Nos o "direito de transmissão televisiva e multimédia dos jogos em casa da Equipa A de Futebol Sénior da Sporting SAD e direito de exploração da publicidade estática e virtual do estádio José Alvalade pelo período de 10 épocas desportivas", com início em julho de 2018.

A Nos passa também a deter o "direito de transmissão e distribuição do Canal Sporting TV, pelo período de 12 Épocas desportivas", a partir de julho de 2017. A operadora será também, já a partir do próximo mês, o principal patrocinador do clube de Alvalade.

Também em comunicado, a Nos refere que o acordo com o Sporting está avaliado em 446 milhões de euros, repartidos "em montantes anuais progressivos."

Os leões anunciaram ainda um outro acordo para o "aditamento ao contrato atual" com a PPTV, com a revisão dos "valores a pagar pelos direitos de transmissão televisiva e multimédia dos jogos em casa da Equipa A de Futebol Sénior da Sporting SAD e direito de exploração da publicidade estática e virtual do estádio José Alvalade" até 2017-2018.

No total, os dois acordos representam uma contrapartida financeira global de 515 milhões de euros.

  • PSD está a "perder terreno" na escolha de candidato a Lisboa
    1:46

    País

    Quem o diz é Luís Marques Mendes: o PSD perde na demora da escolha de um candidato para a Câmara de Lisboa. O líder Passos Coelho rejeita apoiar a candidatura de Assunção Cristas e garante que o partido vai ter um candidato próprio. Segundo o comentador da SIC, o último convite foi dirigido a José Eduardo Moniz.

  • Trump não escreve todos os tweets, mas dita-os

    Mundo

    O Presidente eleito dos EUA não escreve todos os tweets que são publicados na sua conta desta rede social, mas dita-os aos seus funcionários. Numa entrevista a um ex-secretário de Estado britânico, Donald Trump explica como usa a sua conta e garante que depois de ser investido Presidente, vai continuar a usar o Twitter para defender-se da "imprensa desonesta".

  • Depressão pode ser mais prejudicial para o coração do que a hipertensão

    Mundo

    Um estudo recente estabelece uma nova ligação entre depressão e distúrbios cardíacos. De acordo com a investigação publicada na revista Atheroscleroses, o risco de vir a sofrer de uma doença cardíaca grave é quase tão elevado para os homens que sofram de depressão, do que para os que tenham colesterol elevado ou obesidade, e pode mesmo ser maior do que para os que sofram de hipertensão.