sicnot

Perfil

Desporto

Hiddink diz que Fabregas fica no Chelsea e que precisa de todos os jogadores

O treinador holandês Guus Hiddink, que rendeu José Mourinho no comando do Chelsea, disse hoje não ter qualquer indicação da administração do clube inglês de futebol de que o espanhol Cesc Fabregas vá sair no "mercado" de inverno.

(arquivo/Reuters)

(arquivo/Reuters)

© Reuters Staff / Reuters

Hiddink, contratado até ao final da época depois de Mourinho ter sido demitido, esclareceu em conferência de imprensa que o médio espanhol continua satisfeito no clube londrino.

"Ele aparece sempre com um sorriso, o que é uma coisa que gosto de ver, quando aparecem a sorrir e não com um rosto desgastado", afirmou o holandês, em conferência de imprensa.

Dois dias depois do empate 0-0 no terreno do Manchester United, na 19.ª jornada da liga inglesa, o novo técnico dos 'blues' frisou que o clube precisa de "todos os jogadores" para continuar a recuperar na classificação.

"Precisamos de todos os jogadores até ao final da época. O Chelsea está numa situação que precisa de melhorar muito e continuar a recuperar lugares na classificação. Por isso, precisamos de todos", insistiu Hiddink.

Com 19 jornadas cumpridas, o Chelsea ocupa o 14.º lugar, com 20 pontos, três acima da zona de despromoção.

Lusa

  • Lixo, para que te quero?
    23:17
  • Tuk-tuk em protesto oferecem hoje passeios gratuitos em Lisboa

    País

    A Associação Portuguesa de Empresas de Congressos, Animação Turística e Eventos (APECATE) promove hoje a iniciativa "Cá vai Lisboa", com passeios gratuitos de tuk-tuk, para alertar a população para a "problemática" regulamentação municipal deste tipo de veículos.

  • Ricardo Robles apresentado como candidato do BE a Lisboa
    1:31

    Autárquicas 2017

    Ricardo Robles foi formalmente apresentado este sábado como candidato do Bloco de Esquerda à Câmara Municipal de Lisboa. No encerramento da convenção autárquica do partido, Catarina Martins fez críticas ao Governo, dizendo que o projeto de descentralização do Executivo é perigoso e ameaça a democracia.

  • Pavilhão Carlos Lopes esteve encerrado durante 14 anos
    2:27