sicnot

Perfil

Desporto

Guus Hiddink admite possibilidade de o Chelsea descer de divisão

O treinador interino do Chelsea, o holandês Guus Hiddink, admitiu hoje que a descida de divisão da equipa londrina, atual detentora do título, ao 'Championship', segundo escalão do futebol inglês, "é uma possibilidade".

© Reuters Staff / Reuters

"É uma realidade que está aí. Temos dois jogos muito complicados e se não conseguirmos pontos não sabemos o que sucederá nos seguintes. Na 'Premier League' podes ser surpreendido no fim", afirmou Hiddink, na conferência de imprensa de antevisão da receção ao Everton, no sábado, em jogo da 22.ª jornada.

O técnico holandês, que rendeu José Mourinho em dezembro, alertou para o facto de o Chelsea estar apenas seis pontos acima dos lugares de descida, ocupados por Sunderland, Newcastle e Aston Villa, facto que alega para justificar o seu realismo.

"Há 12 pontos de diferença para o quarto classificado, o Tottenham. Gostaríamos de estar a discutir os lugares cimeiros da tabela classificativa, mas há que ser realista, pois estamos seis pontos acima da zona de despromoção", sustentou Hiddink, que prometeu "trabalhar no duro e manter a concentração" para a equipa somar pontos.

Desde a chegada do técnico holandês, o Chelsea, que estava um ponto acima da 'linha de água' quando José Mourinho foi destituído, realizou cinco partidas consecutivas sem perder, registando três empates (Watford, Manchester United e West Bromwich) e duas vitórias (Crystal Palace e Scunthorpe, este para a Taça).

Lusa

  • "Almaraz: Uma bomba-relógio aqui ao lado"
    1:56
  • Mais de 100 detidos pela PSP e GNR nas últimas 24 horas

    País

    Só a GNR deteve 64 pessoas em flagrante delito, entre a noite de sexta-feira e o início da manhã deste sábado, a maioria das quais (47) por condução sob o efeito do álcool. A PSP de Lisboa efetuou 41 detenções em 24 horas, dez por tráfico de droga.

  • Videoamador mostra grupo a atar tocha a um touro
    1:33
  • PJ investiga forma como o FC Porto obteve os e-mails
    1:58

    Desporto

    Enquanto o campeonato português de futebol está de férias do relvado, nos bastidores continua uma guerra aberta por causa dos e-mails. O FC Porto entregou à Polícia Judiciária toda a documentação disponível do chamado caso dos e-mails, que envolve o Benfica num alegado esquema de corrupção. O pedido foi feito pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ. A forma como o FC Porto obteve os e-mails também está a ser investigada pela Polícia Judiciária.

  • Manifestantes bloquearam Caracas

    Mundo

    Milhares de pessoas bloquearam esta sexta-feira as ruas de Caracas e de outras cidades, em protesto contra a repressão e o assassinato de manifestantes pelas forças de segurança.