sicnot

Perfil

Desporto

Presidente da FPF elogia programa do candidato Gianni Infantino

O presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), Fernando Gomes, elogiou hoje o programa do candidato à presidência da FIFA, o suíço Gianni Infantino e manifestou o desejo de que todas as federações da UEFA o apoiem unanimemente.

"Este manifesto demonstra claramente a visão de Gianni Infantino de que a FIFA e o futebol mundial necessitam de inaugurar uma nova era de dinamismo e transparência", disse o presidente da FPF, citado pela agência de notícias espanhola EFE.

Recordando que a FPF já tinha decidido o seu voto favorável a Infantino, Fernando Gomes disse esperar que as federações europeias convirjam nesse apoio na reunião que terá lugar esta semana em Nyon, França.

Em destaque no programa de Infantino estão as propostas de organização de mundiais de futebol em vários países, a abertura do recurso a novas tecnologias e o aumento dos fundos para as federações que ingressem na FIFA.

Gianni Infantino ocupa o cargo de secretário-geral da UEFA desde outubro de 2009.

Além do secretário-geral da UEFA, pretendem concorrer à presidência da FIFA o presidente da Confederação Asiática de Futebol (AFC), o xeque Salman bin Ebrahim Al Khalifa, o jordano Ali bin al Hussein, o francês Jerôme Champagne e o sul-africano Tokyo Sexwale.

Lusa

  • Tiroteio no Mississipi provoca oito mortos
    1:23

    Mundo

    Oito pessoas morreram, incluindo um polícia, depois de um tiroteio no estado norte-americano do Mississipi, nos Estados Unidos da América. O suspeito, um homem de 36 anos, já foi detido, mas as autoridades dizem que ainda é cedo para saber os motivos.

  • Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas
    1:40

    Economia

    Carlos Moedas diz que Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas a propósito da saída do procedimento por défice excessivo. Em entrevista ao Diário de Notícias e à TSF, o comissário europeu levanta dúvidas sobre a renegociação da dívida e garante que a escolha de Mário Centeno para a liderança do Eurogrupo vai depender do entendimento dos países do euro.

  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Polícia usa gás lacrimogéneo para dispersar manifestantes contra cimeira do G7
    2:28

    Mundo

    A cimeira do G7 terminou este sábado com confrontos entre manifestantes e a polícia na ilha italiana da Sicília e sem o compromisso de Donald Trump sobre o Acordo de Paris para a redução de emissões de dióxido de carbono. O Presidente dos EUA fez saber na rede social Twitter que vai tomar a decisão final durante a próxima semana.