sicnot

Perfil

Desporto

Roma dispensa antigo internacional inglês Ashley Cole

O ex-internacional inglês Ashley Cole, de 35 anos, antigo futebolista do Arsenal e do Chelsea, foi hoje dispensado da AS Roma, 18 meses depois de ter sido contratado, anunciou esta terça-feira o clube italiano de futebol.

Cole foi utilizado em 16 jogos da formação romana durante a época passada, mas na atual ainda não somou um único minuto de competição oficial.

Cole foi utilizado em 16 jogos da formação romana durante a época passada, mas na atual ainda não somou um único minuto de competição oficial.

© Giampiero Sposito / Reuters

Cole foi utilizado em 16 jogos da formação romana durante a época passada, mas na atual ainda não somou um único minuto de competição oficial.

"O clube agradece a Cole pelo espírito de compromisso que revelou ao longo da sua permanência e deseja-lhe sucesso para o futuro da carreira", pode ler-se numa curta nota divulgada pela AS Roma na sua página na internet.

A imprensa desportiva italiana revelou que o futuro de Ashley Cole passa pelos Estados Unidos e pela Liga norte-americana de futebol.

O antigo lateral-esquerdo do Arsenal e do Chelsea cumpriu 107 jogos com a camisola da seleção inglesa antes de se retirar em 2014, depois de ter sido preterido para a fase final do Mundial, no Brasil.

Durante a carreira, Cole conquistou três ligas inglesas, sete taças de Inglaterra, uma Taça da Liga e a Liga dos Campeões em 2012, ao serviço do Chelsea, além da Liga Europa no ano seguinte.

Lusa

  • Ashley Cole assina pela Roma por duas temporadas
    0:30

    Desporto

    Ashley Cole assinou contrato por duas temporadas com a Roma. O lateral esquerdo foi apresentado esta terça-feira. Cole vai usar a camisola com o número 3. O jogador inglês, de 33 anos, deixou o Chelsea, que representava desde 2006. Na conferência de imprensa, enalteceu a relação que mantinha com José Mourinho, mas disse que estava na altura de experimentar outros campeonatos. Ashley Cole optou pela Roma por considerar o clube ambicioso e por ter a objetivo de conquistar o "Scudetto".

  • UGT reivindica que salário mínimo ultrapasse os 600€
    0:26

    Economia

    O secretário-geral da UGT reivindica que até 2019 o salário mínimo nacional ultrapasse os 600 euros. Este sábado, num congresso distrital na Guarda, Carlos Silva considerou que o Governo tem condições para ir mais além e voltou a defender que para o próximo ano o patamar mínimo para a negociação deve ser os 585 euros.

  • 950 militares cercam a Rocinha, no Rio de Janeiro
    2:36
  • Franceses em protesto contra reformas de Macron
    1:04
  • Tony Carreira em Paris com sala cheia
    2:36

    Cultura

    O cantor Tony Carreira actuou ontem em Paris e teve sala cheia a aplaudir os temas que o tornaram conhecido há quase 30 anos. As recentes acusações de plágio não parecem afectar a popularidade do artista, que vai continuar em tournée. A Sic acompanhou o artista neste concerto.