sicnot

Perfil

Desporto

Djokovic considera absurdas as insinuações de envolvimento em resultados combinados

O tenista sérvio Novak Djokovic, número um mundial, defendeu-se esta quarta-feira da suspeita que teria perdido um encontro propositadamente em 2007, dizendo que as insinuações do jornal italiano Tuttosport são absurdas.

© Thomas Peter / Reuters

"O jornal sugeriu que perdeu o encontro voluntariamente", começou por referir um jornalista, prontamente interrompido pelo líder do 'ranking' mundial: "O que não é verdade".

O quotidiano italiano sugeriu hoje que Djokovic, então número três mundial, terá perdido voluntariamente o encontro da segunda ronda do torneio francês de Paris-Bercy de 2007, frente ao tenista local Fabrice Santoro, por 6-3 e 6-2, no âmbito do esquema de jogos combinados.

De acordo com o Tuttosport, o sérvio só viajou para Paris para embolsar o 'cachet' destinado aos jogadores que façam o pleno dos nove torneios Masters 1000 (então Masters Series) da temporada.

"Que posso dizer? Perdi esse encontro. Não sei se querem criar um caso com esse encontro ou qualquer encontro perdido nas primeiras rondas por jogadores de topo. Penso que é simplesmente absurdo. Qualquer pessoa pode criar um caso em qualquer encontro. Aqui têm a minha opinião", disparou o número um mundial, depois da sua vitória na segunda ronda do Open da Austrália.

A derrota de 2007 aconteceu no 84.º encontro disputado esse ano por 'Djoko', que tinha sido operado duas semanas antes aos dentes do siso.

Inicialmente, o sérvio não tinha previsto apresentar-se em Bercy, mesmo que a sua presença fosse obrigatória para poder receber os cerca de três milhões de euros de bónus previsto para os quatro tenistas que se encontravam na frente da classificação da época.

"Não há assim tantos encontros em que jogadores do topo do 'ranking' tenham perdido nas primeiras rondas nos últimos dez anos. Mas podem escolher qualquer um e criar uma história com essa derrota", insistiu.

Djokovic sublinhou ainda que não há qualquer tipo de prova, mas apenas especulações. "Mas como esta é a grande história do momento no ténis e no desporto em geral, vão existir muitas alegações", completou.

O nome do número um mundial já tinha aparecido no inquérito levado a cabo pela Procuradoria de Crémone, em Itália, a propósito do escândalo 'Calcioscommese', de apostas ilegais em jogos de futebol, um escândalo que arrastou dois tenistas italianos, Daniele Bracciali et Potito Starace, suspeitos de terem perdido dois encontros propositadamente.

De acordo com o Tuttosport, um antigo tenista sueco, Thomas Nydhal, contou a Manlio Bruni, um dos principais acusados do 'Calcioscommese', que Djokovic teria dito ao treinador de Mario Ancic que tinha intenção de perder.

No entanto, o jornal recorda que o seu nome nunca foi invocado durante o processo.

A BBC revelou no domingo que 16 tenistas que integraram o 'top 50' mundial na última década, incluindo vencedores de torneios do 'Grand Slam', estiveram envolvidos em jogos com resultados combinados.

Lusa

  • Os melhores do mundo pela FIFA da última década

    Desporto

    O português Cristiano Ronaldo e o argentino Lionel Messi têm repartido de forma igual os prémios de melhor jogador do mundo pela FIFA, na última década. Apesar destes dois nomes serem os mais falados, muitos outros jogadores foram nomeados para o prémio. Conheça a lista dos nomeados e dos vencedores desde 2007.

  • "Avançámos em primeiro lugar com incentivos às empresas"
    18:07

    Economia

    O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, esteve na Edição da Noite da SIC Notícias para falar do que pode ser feito depois da tragédia dos incêndios que assolou o país na última semana. O governante diz que já avançou com incentivos às empresas afetadas e que neste momento o mais importante é preservar a segurança das pessoas.

    Entrevista SIC Notícias

  • Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado debates com as bases do PSD
    0:40

    País

    Pedro Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado a realização de debates com as bases do partido. Fernando Negrão, responsável pela candidatura de Santana Lopes à presidência do PSD, já tinha advertido em comunicado que a posição de Rui Rio poderia também inviabilizar quaisquer outros frente a frente, incluindo os organizados pela comunicação social. Santana Lopes está na Guarda, no primeiro jantar com apoiantes desde que anunciou a candidatura.

  • Tudo o que precisa saber sobre a moção de censura

    País

    O Governo minoritário do PS enfrenta na terça-feira a sua primeira moção de censura, a 29.ª em 43 anos de democracia, mas PCP, BE e PEV já anunciaram que vai "chumbar" a iniciativa do CDS-PP. Esta é a sétima moção de censura apresentada pelo CDS-PP e a 29.ª a ser discutida na Assembleia da República. Os três partidos de esquerda que têm apoiado o executivo, PCP, BE e PEV, já anunciaram que votam contra. Com os votos do PS, a moção é chumbada.

  • Gémeas correm risco de vida se não saírem de Gaza

    Mundo

    Duas irmãs gémeas siamesas correm risco de vida enquanto permanecerem em Gaza. Quem diz é o médico Alam Abu Hamba, do Hospital de Shifra, que garante que "situação complicada" das meninas não pode ser tratada por médicos no território costeiro, atulamente bloqueado pelo Egito e por Israel. Abu Hamba espera que o casal de gémeas possa ser transferido para fora da separação.

  • Encontrado corpo de menina posta de castigo na rua pelo pai

    Mundo

    Sherin Mathews estava desaparecida desde o dia 7 de outubro. Este domingo a polícia do estado norte-americano do Texas encontrou o corpo de uma criança que acreditam ser a menina de três anos, desaparecida depois de o pai a colocar de castigo na rua, durante a madrugada.

    SIC