sicnot

Perfil

Desporto

Autoridades do ténis vão investigar resultados combinados

As autoridades do ténis mundial anunciaram hoje a abertura de um inquérito independente para investigar os alegados resultados combinados e que envolveriam vários jogadores do 'top-50' mundial.

© Vincent Kessler / Reuters

Num comunicado conjunto, a Federação Internacional de Ténis (ITF), os circuitos masculino (ATP) e feminino (WTA) e o comité dos quatro torneios do 'Grand Slam' explicaram que o inquérito servirá para reforçar a integridade do jogo.

As entidades pediram ainda aos governos de todo o mundo que criminalizem os resultados combinados.

A 17 de janeiro, na véspera do início do Open da Austrália, primeira prova do 'Grand Slam' da temporada, a BBC revelou hoje que 16 tenistas que integraram o 'top-50' mundial na última década, incluindo vencedores de 'majors', estiveram envolvidos em jogos com resultados combinados.

"Na última década, 16 jogadores classificados nos 50 primeiros foram repetidamente assinalados pela Unidade de Integridade do Ténis (TIU) devido a suspeitas de que estariam a combinar resultados de jogos. Todos os tenistas, incluindo vencedores de 'Grand Slams', foram autorizados a continuar a competir", alega a investigação conjunta da BBC e do sítio na Internet BuzzFeed News.

A cadeia de televisão britânica sustenta as alegações com o acesso a ficheiros secretos, nos quais se inclui uma investigação iniciada pela ATP, em 2007.

"Num relatório confidencial para as autoridades tenísticas, em 2008, a equipa de investigação defendeu que 28 atletas deveriam ser investigados, mas as indicações nunca foram seguidas", afiançou a BBC, indicando que três dos encontros combinados ocorreram no torneio de Wimbledon.

Lusa

  • O dia que roubou dezenas de vidas em Pedrógrão Grande
    3:47
  • Morreu Miguel Beleza

    País

    Miguel Beleza, economista e antigo ministro das Finanças, morreu esta quinta-feira de paragem cardio-respiratória aos 67 anos.

  • "Estamos a ficar sem espaço. Está na hora de explorar outros sistemas solares"

    Mundo

    O físico e cientista britânico Stephen Hawking revelou alguns dos seus desejos para um novo plano de expansão espacial. Hawking está em Trondheim, na Noruega, para participar no Starmus Festival que promove a cultura científica. E foi lá que o físico admitiu que a população mundial está a ficar sem espaço na Terra e que "os únicos lugares disponíveis para irmos estão noutros planetas, noutros universos".

    SIC

  • Não posso usar calções... visto saias

    Mundo

    Perante a proibição de usar calções no emprego, um grupo de motoristas franceses adotou uma nova moda para combater o calor. Os trabalhadores decidiram trocar as calças por saias, visto que a peça de roupa é permitida no uniforme da empresa para a qual trabalham.

  • De refugiada a modelo: a história de Mari Malek

    Mundo

    Mari Malek chegou aos Estados Unidos da América quando era ainda uma criança. Chegada do Sudão do Sul, a menina era uma refugiada à procura de um futuro melhor, num país que não era o seu. Agora, anos depois, Mari Malek é modelo, DJ e atriz, e vive em Nova Iorque. Fundou uma organização sediada no país onde nasceu voltada para as crianças que passam por dificuldade, como também ela passou.