sicnot

Perfil

Desporto

Dois mil adeptos do Panathinaikos protestam em frente à residência de Tsipras

Cerca de dois mil adeptos do Panathinaikos protestaram esta quarta-feira em frente à residência oficial do primeiro-ministro helénico, Alexis Tsipras, contra as sanções de que o clube da Liga grega de futebol foi alvo.

Alexis Tsipras não estava na residência, por estar a realizar uma visita oficial a Israel. (Arquivo)

Alexis Tsipras não estava na residência, por estar a realizar uma visita oficial a Israel. (Arquivo)

© Alkis Konstantinidis / Reuters

A polícia antimotim teve de recorrer a gás lacrimogénio para dispersar os manifestantes, alguns dos quais terão sido detidos, noticia a imprensa local.

Os manifestantes chegaram à residência oficial do chefe de governo grego em centenas de motorizadas, pouco depois de terminada a partida da Taça da Grécia frente ao Atromitos, que terminou com um empate a 0-0.

Alexis Tsipras não estava na residência, por estar a realizar uma visita oficial a Israel.

Na semana passada, o vice-ministro dos desportos grego, Stavros Kontonis, ordenou o encerramento ao público das bancadas do estádio do Panathinaikos habitualmente ocupadas pelos adeptos mais violentos.

Em causa estão as sanções pela violência verificada no dérbi com o Olympiacos, a 21 de novembro, quando os adeptos do Panathinaikos se envolveram em confrontos com a polícia dentro e fora do estádio, levando à anulação do desafio, mesmo antes de principiar.

A equipa visitante ficou retida três horas no estádio Apostolos Nikolaidis.

Catorze adeptos foram detidos nos incidentes que feriram três polícias, um deles em estado grave. Os prevaricadores arremessaram pedras e material pirotécnico, com as autoridades a responder com gás lacrimogénio.

O Panathinaikos viu o seu estádio interdito por quatro desafios e foi multado em 280.000 euros, além de lhe terem sido subtraídos três pontos.

Atualmente, cumpridas 19 jornadas, o Panathinaikos é terceiro do campeonato, com 35 pontos, a 20 do rival Olympiacos, treinado pelo português Marco Silva.

Hoje, no jogo frente ao Atromitos, o Panathinaikos decidiu colocar centenas de balões verdes e brancos nas bancadas interditas aos seus adeptos.

Lusa

  • "É pesado dizer a miúdos que ainda ontem os pais estavam a ensinar o atar ténis que vão ficar em prisão preventiva"
    2:49
  • Pecado da gula ameaça maior anfíbio do mundo

    Mundo

    O maior anfíbio do mundo está em sério risco de extinção. Iguaria muito apreciada no Oriente, a salamandra-gigante-da-China já praticamente desapareceu do seu habitat natural, concluiu uma pesquisa realizada durante quatro anos. Em contraste, milhões destes animais são reproduzidos em cativeiro e têm como destino restaurantes de luxo.

  • Reclusos limpam Ria Formosa
    3:01

    País

    Alguns reclusos do estabelecimento prisional de Olhão estão pela segunda vez a limpar a ilha da Armona, na Ria Formosa. São homens que beneficiam de regime aberto e, em fim de cumprimento de pena, têm com este trabalho uma amostra da liberdade que tanto aguardam.