sicnot

Perfil

Desporto

Médio Ramires troca Chelsea pelos chineses do Jiangsu Suning

O médio internacional brasileiro Ramires vai alinhar nos chineses do Jiangsu Suning, anunciou esta quarta-feira o Chelsea, campeão inglês de futebol, no seu sítio oficial na Internet.

Ao serviço do Chelsea, Ramires marcou 34 golos em 251 jogos, tendo conquistado uma Liga Europa, frente ao Benfica, uma Liga dos Campeões, uma Taça de Inglaterra e uma Taça da Liga inglesa, além do campeonato da época passada, sob o comando de José Mourinho.

Ao serviço do Chelsea, Ramires marcou 34 golos em 251 jogos, tendo conquistado uma Liga Europa, frente ao Benfica, uma Liga dos Campeões, uma Taça de Inglaterra e uma Taça da Liga inglesa, além do campeonato da época passada, sob o comando de José Mourinho.

© Reuters Staff / Reuters

Ramires, de 28 anos, foi contratado em 2010 por 22 milhões de euros pelos 'blues' ao Benfica, depois de ter alinhado no Cruzeiro e no Joinville, ambos do Brasil.

Ao serviço do Chelsea, Ramires marcou 34 golos em 251 jogos, tendo conquistado uma Liga Europa, frente ao Benfica, uma Liga dos Campeões, uma Taça de Inglaterra e uma Taça da Liga inglesa, além do campeonato da época passada, sob o comando de José Mourinho.

No Jiangsu Suning, Ramires vai ser treinado pelo romeno Dan Petrescu, outro antigo jogador do Chelsea.

De acordo com a imprensa britânica, o nono classificado da edição de 2015 do campeonato chinês pagou pela contratação do brasileiro cerca de 21 milhões de libras (cerca de 27,6 milhões de euros).

Lusa

  • A fuga dos PIDES
    20:08
  • Dominado incêncio no centro de tratamento de resíduos da Tratolixo
    1:55

    País

    O fogo na Tratolixo, em Trajouce, deflagrou esta segunda-feira à noite. As chamas foram controladas a meio da manhã pelos bombeiros. No local estão 133 operacionais, apoiados por 51 veículos. O fogo não fez vítimas nem danos materiais. O vento dificultou o combate às chamas.

  • Duas execuções no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.