sicnot

Perfil

Desporto

FC Porto caça talentos em Bogotá

FC Porto caça talentos em Bogotá

Chama-se Dragon Force, é a escola de futebol do Futebol Clube do Porto, e abriu as portas na Colômbia há um ano e meio. Na semana passada fizeram a primeira ação de caça-talentos, que levou técnicos do clube em Portugal a viajar para Bogotá, à procura de craques. O director do Departamento de Scouting, João Luís Afonso diz que selecionar dois destes jovens não é tarefa fácil.

  • Histórias de Bogotá: "Quero ser jogador do Porto"

    Desporto

    Chama-se Dragon Force, é a escola de futebol do Futebol Clube do Porto e abriu as portas na Colômbia há um ano e meio. Na semana passada fez a primeira ação de caça-talentos, que levou técnicos do clube em Portugal a viajar para Bogotá, à procura de craques.

  • Jovens colombianos aspirantes a craques tentam rumar o FC Porto
    2:52

    Desporto

    Chama-se Dragon Force, é a escola de futebol do Futebol Clube do Porto, e abriu as portas na Colômbia há um ano e meio. Na semana passada fizeram a primeira ação de caça-talentos, que levou técnicos do clube em Portugal a viajar para Bogotá, à procura de craques. Os "jogadores", como aqui lhes chamam, estão naturalmente dispostos a aprender tudo, e sabem bem ao que vêm.

  • Moutinho e Rafael Guerreiro de "baixa", Fonte disponível "para tocar bombo"
    1:52
  • "Procedi nesta matéria como procedo em todas as outras"
    0:40

    País

    O líder parlamentar do PSD, Fernando Negrão, não esclarece se falou diretamente com Rui Rio sobre o projeto de lei dos combustíveis do CDS antes do voto favorável estar decidido. No entanto, disse que o processo de decisão foi igual a todos os outros. O presidente do PSD era contra o diploma dos centristas.

  • Antigo campeão nacional de Ori-BTT, de 19 anos, morreu em colisão com carro
    1:42

    País

    Um ciclista de 19 anos morreu e o pai ficou gravemente ferido, numa colisão com uma viatura que fazia uma inversão de marcha, em Loulé, na quarta-feira. Quando o acidente aconteceu, o jovem estava a treinar para um campeonato na Hungria, onde ia participar dentro de poucos dias. Duarte Lourenço, que chegou a ser campeão nacional de Ori-BTT, pertencia ao escalão de Juniores, devido à sua idade, mas por vontade própria fazia escalão Sénior.