sicnot

Perfil

Desporto

Raphael Guerreiro marca na derrota do Lorient em Paris

O Paris Saint-Germain estabeleceu esta quarta-feira um recorde de invencibilidade na liga francesa de futebol com uma vitória sobre o Lorient, por 3-1, que ampliou o número de jogos sem perder para 33.

YOAN VALAT / LUSA

Derrotado pela última vez em março de 2015, o PSG juntou os 24 jogos sem perder esta temporada aos últimos nove do campeonato anterior e bateu a marca do Nantes, que esteve 32 encontros imbatível em 1994/95.

Com 24 pontos de vantagem sobre o Mónaco, segundo classificado, o líder ainda sentiu dificuldades na primeira parte, depois de abrir cedo o marcador, aos seis minutos, pelo uruguaio Edinson Cavani, por causa da reação do Lorient, que restabeleceu a igualdade aos 19 minutos pelo português Raphael Guerreiro.

No entanto, na segunda parte, a supremacia do PSG veio ao de cima e materializou-se com mais dois golos, de Zlatan Ibrahimovic, aos 55 minutos, e Layvin Kurzawa, aos 69, a estabelecer o resultado final de 3-1.

Raphael Guerreiro, muitas vezes utilizado pelo treinador Sylvain Ripoll como médio esquerdo, alinhou desta vez como lateral do mesmo lado.

Nos restantes jogos hoje realizados, destaque para a estreia do internacional português Éder, que foi lançado em campo após o intervalo a substituir Yassine Benzia, na vitória do Lille sobre o Caen por 1-0, graças a um golo defesa costa-marfinense Adama Soumaoro, aos 59 minutos.

De notar a derrota do Angers na deslocação ao terreno do Reims por 2-1, que lhe custou o terceiro lugar, ultrapassado pelo Nice, vencedor na receção ao Toulouse por 1-0.

O Lyon, com o internacional português Anthony Lopes na baliza durante os 90 minutos, recebeu e venceu o Bordéus, por 3-0, enquanto o Guingamp goleou o Troyes, por 4-0, e o Nantes fez valer o fator casa para superar o Gazélec Ajaccio, por 3-1.

Em face dos resultados desta jornada, o PSG lidera com 66 pontos, mais 24 do que o Mónaco, orientado pelo treinador português Leonardo Jardim, que é segundo, somando 42, mais três do que o terceiro, o Nice, que beneficiou da derrota do Angers em Reims.

A 24.ª jornada encerra na quinta-feira com a partida Rennes-Saint Étienne, a partir das 20:00.

Lusa

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Segunda-feira no Jornal da Noite