sicnot

Perfil

Desporto

Sevilha goleia Celta e fica muito perto da final da Taça do Rei

O Sevilha ficou esta quinta-feira muito perto de garantir um lugar na final da Taça do Rei de Espanha de futebol, após receber e bater o Celta Vigo, por 4-0, com um 'bis' do francês Kevin Gameiro.

Este resultado deixou o Sevilha muito perto da sua oitava final da Taça do Rei de Espanha, competição que já conquistou por cinco ocasiões, em 1935, 1939, 1948, 2007 e 2010.

Este resultado deixou o Sevilha muito perto da sua oitava final da Taça do Rei de Espanha, competição que já conquistou por cinco ocasiões, em 1935, 1939, 1948, 2007 e 2010.

JOSE MANUEL VIDAL / Lusa

No Sánchez Pizjuán, o avançado gaulês até começou mal o encontro da primeira mão das meias-finais, quando aos 27 minutos desperdiçou uma grande penalidade, mas redimiu-se com dois golos na segunda parte, aos 59 e 62, e embalou o Sevilha para a goleada.

Com o defesa português Daniel Carriço a entrar em campo aos 70 minutos, a formação da casa começou a construir o resultado pelo também francês Rami, aos 45, e o dinamarquês Krohn-Dehli fechou a contagem, aos 87.

Este resultado deixou o Sevilha muito perto da sua oitava final da Taça do Rei de Espanha, competição que já conquistou por cinco ocasiões, em 1935, 1939, 1948, 2007 e 2010.

O encontro da segunda mão está agendado para 11 de fevereiro, na Galiza.

No outro duelo das 'meias', disputado na quarta-feira, em Nou Camp, o FC Barcelona goleou o Valência, por 7-0, e só um verdadeiro desastre poderá impedir os catalães de estarem presentes na final que está marcada para 21 de maio, ainda em local a definir.

Lusa

  • Temperaturas sobem no fim de semana, risco de incêndio aumenta
    1:08
  • Reveladas escutas telefónicas entre Sócrates e Ricardo Salgado
    2:39

    Operação Marquês

    Após ser detido em 2014, Ricardo Salgado recebeu uma chamada de José Sócrates a dar o seu apoio. Nas escutas é possível perceber que o antigo primeiro-ministro fala de admiração pelo ex-banqueiro, depois de Sócrates ter garantido, na semana passada na RTP, que a relação com Ricardo Salgado era apenas institucional. Noutra conversa de Sócrates, desta vez com o advogado Daniel Proença de Carvalho, o ex-primeiro-ministro criticou Marcelo Rebelo de Sousa, quando este ainda era comentador e tinha comentado a queda do BES.