sicnot

Perfil

Desporto

José Peseiro focado em reduzir desvantagem do FC Porto para o Benfica

O treinador do FC Porto, José Peseiro, considerou hoje que "é importante vencer o Benfica", na partida de sexta-feira, da 22.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, de modo a "encurtar a distância para os rivais que seguem na liderança".

Oo Futebol Clube do Porto está em 3.º lugar com 46 pontos.

Oo Futebol Clube do Porto está em 3.º lugar com 46 pontos.

"Será um desafio que queremos vencer, contra um rival direto, uma equipa que está em primeiro lugar com o Sporting. Sabemos da importância de vencer este jogo para ficarmos a três pontos do Benfica", começou por dizer Peseiro na antevisão do 'clássico' que se vai jogar no Estádio da Luz, em Lisboa.

O técnico portista não deixou de mencionar a derrota da última jornada, frente ao Arouca (2-1), voltando a tecer críticas à decisão do árbitro Rui Costa de anular um golo ao FC Porto, que após este desaire ficou a seis pontos do duo de líderes, Benfica e Sporting.

"Tenho de recordar que no último jogo fizemos um golo, aos 62 minutos, que nos garantia neste momento estarmos a três pontos e dependentes apenas de nós para seremos campeões, mas que foi anulado", completou.

O treinador dos 'dragões' não quis abordar as qualidades do adversário, preferindo manter o discurso naquilo que a sua equipa pode fazer na Luz.

"Não vale a pena estar a enaltecer e a valorizar aquilo que o Benfica tem feito. Nós perdemos o último jogo e não ficámos satisfeitos, mas estamos já focados nesta partida, sinto a equipa com vontade total para vencer", garantiu.

Confrontando com as últimas estatísticas, que revelam o Benfica como uma equipa que costuma marcar cedo, e o FC Porto como conjunto que tem sofrido alguns golos em fases prematuras do jogo, o treinador do FC Porto garantiu que tal não irá mudar a identidade da equipa.

"Temos uma estratégia para este jogo, mas também há algo que FC Porto tem de ter, que é a sua identidade. Não faz sentido mudar aquilo que são as nossas ideias, mesmo tendo como referência o que é mais e menos importante nos adversários que temos pela frente", sublinhou.

Nesse sentido, José Peseiro rejeitou a eleger um favorito à vitória, garantindo que a sua equipa "quer vencer, porque acredita na sua competência e tem confiança total que vai à Luz para reduzir para três pontos a diferença para o Benfica".

À margem do duelo com os lisboetas, o treinador do FC Porto comentou a ausência de Maicon nos últimos treinos da equipa, garantindo não haver qualquer polémica com o jogador.

"O Maicon ainda está com queixas, não treina, e todas as outras questões que possam ser faladas são coisas a ser tratadas dentro da nossa família", assegurou.

O FC Porto, terceiro classificado com 46 pontos, desloca-se na sexta-feira ao terreno do Benfica, que segue na liderança do campeonato a par do Sporting, com 52 pontos, numa partida agendada para as 20:30, que terá arbitragem de Artur Soares Dias, da associação do Porto.

Lusa

  • PS e BE não propõem alívio da dívida à UE
    1:55

    Economia

    O PS e o Bloco de Esquerda querem mais 45 anos para pagar as dívidas à União europeia e juros mais baixos. As medidas fazem parte da proposta dos partidos para a redução da dívida pública. No relatório que será enviado ao Governo, não é pedido qualquer perdão de dívida, ao contrário do que os partidos mais à esquerda chegaram a defender.

  • Antigos ministros de Governos de Sócrates ouvidos pelo MP
    1:54

    Operação Marquês

    Quatro antigos ministros de Governos de José Sócrates foram ouvidos recentemente pelo Ministério Público (MP), no âmbito da Operação Marquês. Mário Lino, António Mendonça, Teixeira dos Santos e Luís Campos e Cunha foram ouvidos como testemunhas. Os investigadores chamaram os antigos governantes para esclarecer decisões relacionadas com a PT.

    Notícia SIC

  • Suspeito de atropelamento mortal diz que foi mero acidente 
    2:00
  • Confrontos na primeira greve geral no Brasil em 21 anos
    1:34
  • "Está na altura de pressionarmos a Coreia do Norte"
    0:45

    Mundo

    O secretário de estado norte-americano, Rex Tillerson, afirmou esta sexta-feira na ONU que a ameaça da Coreia do Norte é real e pediu que o conselho de segurança da ONU tome medidas antes que seja o regime de pyongyang a fazê-lo.

  • Menina que nasceu com três pernas já corre após a cirurgia

    Mundo

    Uma criança do Bangladesh que cresceu com três pernas vai regressar a casa, depois de uma viagem até à Austrália, onde foi operada para retirar o membro a mais. Como resultado de um gémeo que não se formou por completo, a criança de três anos nasceu com uma terceira perna na pélvis. Alguns meses após a cirurgia, feita em novembro, a menina já corre.