sicnot

Perfil

Desporto

Platini "feliz" com a forma como começou audição no Comité de Recurso da FIFA

O francês Michel Platini revelou-se esta segunda-feira "feliz" pela forma como decorreram as oito horas e meia de audiência perante o Comité de Recurso da FIFA, na sequência dos oito anos de suspensão de funções desportivas com que foi punido.

© Arnd Wiegmann / Reuters

"Foi uma boa audição, bem conduzida por pessoas sinceras e estou feliz com a maneira como decorreu. Agora vamos ver como vai ser", disse o suspenso presidente da UEFA.

Antes da audição, na sequência do recurso que apresentou à sua suspensão decretada a 21 de dezembro, acusado de "abuso de posição" e "conflito de interesses", disse que pretende "lutar contra uma injustiça".

Platini apresentou o presidente da organização do Euro2016, o também francês Jacques Lambert, e o presidente da federação espanhola e 'vice' da UEFA, Angel Maria Villar, como testemunhas do suposto contrato oral firmado com Joseph Blatter, responsável máximo da FIFA.

Platini e Blatter, presidentes das duas maiores instituições internacionais de futebol, foram suspensos pelo Comité de Ética da FIFA durante oito anos devido a um controverso pagamento, considerado ilegal, de 1,8 milhões de euros em 2011 por alegado trabalho de consultadoria realizado pelo francês nove anos antes, em 2002.

O pagamento em 2011 por serviços prestados em 2002 foi efetuado com base num contrato verbal, de acordo com Platini, um tipo de compromisso aceite na Suíça.

Hoje, a Comissão de Recurso da FIFA começou a analisar o recurso interposto por Michel Platini, que devido a esta suspensão se retirou da corrida à presidência da FIFA, devendo debruçar-se na terça-feira sobre o recurso apresentado por Joseph Blatter.

Lusa

  • Polícia belga deteve homem que conduzia entre a multidão em Antuérpia

    Mundo

    Foi hoje detido um homem que conduzia a alta velocidade no meio da multidão numa zona comercial de Antuérpia, na Bélgica. O suspeito já foi identificado, é francês e tinha várias armas no carro. As autoridades francesas suspeitam que o homem estava bêbedo e a tentar escapar à polícia, mas as autoridades belgas ainda não confirmaram esta versão.

    Em desenvolvimento

  • Neve corta estradas em Viseu
    2:04
  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • As vantagens de comprar online
    8:03