sicnot

Perfil

Desporto

Joseph Blatter ouvido pelo Comité de Apelo da FIFA

Joseph Blatter foi hoje ouvido pela Comissão de Apelo da FIFA no seu recurso contra o castigo de oito anos de suspensão aplicado pelo Comité de Ética do organismo que liderava desde 1998.

(Arquivo/Reuters)

(Arquivo/Reuters)

© Hannibal Hanschke / Reuters

Um dia depois de Michel Platini, presidente da UEFA, ter testemunhado em Zurique, no âmbito do mesmo processo que afastou os dois dirigentes do futebol internacional, Blatter voltou ao edifício no qual liderou por longos anos o futebol mundial.

O suíço de 79 anos, suspenso de todas as funções no futebol a 21 de dezembro, evitou os jornalistas -- segundo um segurança chegou às 07:30 e depois saiu às 17:00 por uma porta secundária - e não fez qualquer declaração, ao contrário de Platini que se revelou "feliz" pela forma como decorreu a audição.

"Foi uma boa audição, bem conduzida por pessoas sinceras e estou feliz com a maneira como decorreu. Agora vamos ver como vai ser", disse o francês na segunda-feira, apos oito horas e meia de audição.

Blatter e Platini, presidentes das duas maiores instituições internacionais de futebol, foram suspensos pelo Comité de Ética da FIFA por oito anos devido a um controverso pagamento, considerado ilegal, de 1,8 milhões de euros em 2011 por alegado trabalho de consultadoria realizado pelo francês nove anos antes, em 2002.

O pagamento em 2011 por serviços prestados em 2002 foi efetuado com base num contrato verbal, de acordo com Platini, um tipo de compromisso aceite na Suíça.

Os dois dirigentes foram punidos por "abuso de posição" e "conflito de interesses".

Segunda-feira, a Comissão de Recurso da FIFA começou a analisar o recurso interposto por Michel Platini, que devido a esta suspensão se retirou da corrida à presidência da FIFA, e hoje debruçou-se sobre o recurso apresentado por Joseph Blatter.

Lusa

  • Não houve negligência médica no caso do jovem que morreu em São José
    2:33

    País

    Afinal, não houve negligência médica no caso do jovem que morreu há cerca de um ano no Hospital de São José, vítima de um aneurisma. Esta é a conclusão da Ordem dos Médicos e dos peritos do Instituto de Medicina Legal. Segundo o jornal Expresso, todos os relatórios relatórios pedidos pelo Ministério Público e pelo Centro Hospitalar de Lisboa Central dizem que o corpo clínico do hospital não teve responsabilidades na morte de David Duarte.

  • Jovens estariam de fones e poderão não ter ouvido comboio a aproximar-se
    1:47

    País

    As adolescentes, de 13 e 14 anos, encontradas mortas junto à linha do norte perto de Coimbra podem não ter ouvido a aproximação do comboio, uma vez que estariam de auriculares. Os corpos só foram descobertos 36 horas depois do desaparecimento das jovens, aparentemente vítimas de um descuido fatal.

  • Patti Smith engana-se na música de Bob Dylan durante cerimónia dos Nobel
    1:49

    Mundo

    Os prémios Nobel deste ano já foram entregues. Bob Dylan não compareceu à entrega do galardão da Literatura e fez-se representar pela amiga Patti Smith, que teve um bloqueio enquanto cantava "A Hard Rain's A-Gonna Fall" do músico. O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos foi distinguido com o Nobel da paz pelo acordo que alcançou com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia.

  • CIA acredita que Trump foi ajudado por piratas informáticos russos
    1:24

    Eleições EUA 2016

    As eleições nos Estados Unidos da América já terminaram e o Presidente está eleito. Contudo, Barack Obama quer saber se os russos tentaram mesmo influenciar o voto e ao mesmo tempo perceber o que os serviços secretos aprenderam com todas as fugas de informação durante a campanha. Já a CIA diz não ter dúvidas: para os serviços secretos norte-americanos, Donald Trump foi ajudado por piratas informáticos.