sicnot

Perfil

Desporto

José Peseiro não sabe se pode contar com Marcano

José Peseiro não sabe se pode contar com Marcano

José Peseiro ainda não sabe se pode contar com o defesa espanhol Marcano para o jogo de amanhã com o Borussia Dortmund, a contar para a Liga Europa.

Na análise ao jogo, o treinador do FC Porto admitiu que a equipa vai ter de defender muito e bem se quiser parar o ataque da equipa alemã.

  • FC Porto já partiu para a Alemanha
    0:51

    Liga Europa 2015/2016

    O Futebol Clube do Porto viajou, esta tarde, para Dortmund, com Marcano já recuperado da lesão, e mais três jogadores da equipa B: Diogo Verdasca, Francisco Ramos e João Costa.Maxi Pereira e Danilo, por estarem a cumprir um jogo de suspensão, não fazem parte da lista de convocados.

  • Peseiro chama cinco jogadores da equipa B para treino
    0:57

    Desporto

    O FC Porto prepara o jogo na Alemanha frente ao Borussia Dortmund para a Liga Europa. José Peseiro está com algumas dificuldades no setor defensivo, com Marcano a recuperar de uma lesão, sobra apenas o central Martins Indi. O treinador do FC Porto terá de formar um quarteto defensivo inédito, dado que Maxi Pereira está castigado e não entra nas contas para a primeira-mão dos dezasseis-avos-de-final da Liga Europa, bem como Danilo que não poderá jogar na Alemanha. A única solução passa por chamar jogadores da equipa B, incluindo o central Diogo Verdasca.

  • Economia portuguesa a crescer
    2:26
  • Os likes dos candidatos às autárquicas no Facebook
    4:00

    Autárquicas 2017

    Se há mais de 5 milhões de portugueses no Facebook, é natural que as autárquicas também passem pela rede social mais usada no país e no mundo. A SIC apresenta-lhe os 10 candidatos cujas páginas têm mais seguidores e, para a comparação ser mais justa, os que têm mais seguidores em Portugal - porque há também quem estranhamente tenha milhares de fãs em países como Egito, Filipinas ou Vietname.

  • Embaixador do Bangladesh pede ajuda aos portugueses no caso dos rohingya

    Mundo

    O embaixador do Bangladesh em Lisboa pediu esta sexta-feira aos portugueses que ajudem a resolver o problema dos rohingya. Desde o final de agosto, mais de 400 mil pessoas desta minoria muçulmana fugiram de Myanmar, a antiga Birmânia. O Bangladesh já tinha acolhido outros 400 mil refugiados e vê-se agora a braços com esta crise migratória. Pede por isso a Portugal que pressione Myanmar para aceitar de volta e em segurança os rohingya.