sicnot

Perfil

Desporto

Luís Filipe Vieira distinguido pelos 50 anos de sócio do Benfica

Luís Filipe Vieira assumiu hoje, na cerimónia de entrega aos sócios dos anéis de platina e dos emblemas de ouro e de prata, que o Benfica vai ultrapassar todos os obstáculos, apesar do tempo de exigências e desafios.

SIC

A um dia do 112º aniversário do clube, foram homenageados no pavilhão n.º 2 do Estádio da Luz mais de mil sócios com a entrega dos anéis de platina, emblemas de ouro e prata, que representam respetivamente 75, 50 e 25 anos de filiação, entre os quais o presidente dos 'encarnados', distinguido pelos seus cinquenta anos de sócio.

No seu discurso, Luís Filipe Vieira, mostrou-se orgulhoso dessa distinção, que tem "um significado especial", evocando a memória de Jorge de Brito, que presidiu o clube das 'águias' entre em 1992 e 1994.

"Esta cerimónia tem para mim - como facilmente vão perceber - um significado especial, porque também vou receber o meu emblema de ouro. Será o emblema correspondente aos meus 50 anos de filiação, mas gostava de evocar aqui a memória do presidente Jorge de Brito, que há muitos anos, me entregou e colocou na lapela, como seu fiel depositário, o seu emblema do Benfica, dizendo-me que eu estaria a altura do desafio e da história do clube. Onde quer que ele esteja, espero que sinta orgulho do seu Benfica e do homem a quem entregou o seu emblema", enalteceu.

O líder 'encarnado' sublinhou que, apesar de o Benfica viver "um tempo de muitas exigências e de muitos desafios", com a ajuda dos sócios, serão ultrapassados "todos os obstáculos".

"Vivemos um tempo de muitas exigências e de muitos desafios, mas tenho a certeza que, com o vosso apoio, com a capacidade de todos quantos formam parte desta realidade, vamos conseguir ultrapassar todos os obstáculos, por maiores que possam parecer. A História do Benfica é e vai continuar a ser uma história de superação, de inconformismo", afirmou.

Luís Filipe Vieira agradeceu a presença de todos os sócios presentes e vincou que, enquanto for presidente, o Benfica continuará "fiel às suas origens e à vontade dos seus fundadores".

"A vossa presença neste pavilhão representa exatamente aquilo que somos, um clube que é dos seus sócios, que se mantém fiel às suas origens e à vontade dos seus fundadores, e essa realidade nunca mudará, pelo menos enquanto eu for presidente. Os sócios asseguram a transmissão desta herança gigantesca que vem desde 1904 e asseguram a sua permanente renovação", afirmou.

Lusa

  • Obama diz que Guterres "tem uma reputação extraordinária"
    1:38

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar com Barack Obama e também com Donald Trump, na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido por Obama, na Casa Branca, onde recebeu vários elogios do presidente norte-americano.

  • Mãe do guarda-redes da Chapecoense comove o Brasil
    1:37
  • Dezenas de mortos em bombardeamentos do Daesh em Mossul

    Daesh

    Dezenas de civis, entre os quais várias crianças, morreram e outros ficaram feridos em ataques de morteiro efetuados pelo grupo extremista Daesh em Mossul, disse à agência Efe o vice-comandante das forças antiterroristas iraquianas.

  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.

  • Tribunal chinês iliba jovem executado há 21 anos

    Mundo

    Nie Shubin foi fuzilado em 1995, na altura com 20 anos, depois de ter sido condenado por violação e assassinato de uma mulher, na cidade de Shijiazhuang. Agora, a justiça chinesa vem dizer que, afinal, o jovem era inocente, uma vez que não foram encontradas provas suficientes para o condenar.