sicnot

Perfil

Desporto

Luís Filipe Vieira quer Slimani no dérbi

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, apelou hoje ao Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa que se tiver de castigar o jogador do Sporting Slimani o faça depois do dérbi de sábado entre as duas equipas.

"A justiça deve ser célere. Deve castigar ou ilibar, mas deve ser célere. Aquilo que espero é que nenhum jogador seja impedido de jogar contra nós. Castiguem se o tiverem de fazer, mas depois do nosso jogo", afirmou o dirigente 'encarnado' no discurso de abertura dos Galardões Cosme Damião, iniciativa que assinala o 112.º aniversário do clube lisboeta.

No seu discurso, Luís Filipe Vieira criticou aqueles que "fazem tudo para criar divisões no futebol português e que se pode aceitar esses comportamentos ou então rejeitar".

"Podemos continuar a aceitar aqueles que fazem da divisão, do conflito, da intimidação o seu modo de vida, e achar que o futebol português pode sobreviver a isso. Ou, então, temos de rejeitar tudo isto e exigir comportamentos orientados pela ética e pela responsabilidade", afirmou para uma plateia onde estava presente o presidente da Liga de clubes, Pedro Proença.

Durante a sua intervenção, o presidente do Benfica elogiou a história do clube, mas também o presente, sublinhando que a equipa 'encarnada' é hoje uma "referência europeia".

"Somos admirados a nível internacional. A união e a estabilidade que conseguimos ter nos últimos anos permitiu-nos voltar a ser um clube global", realçou.

O Benfica vai defrontar o Sporting, em Alvalade, no sábado, em jogo da 25.ª jornada da I Liga.

Antes disso, na segunda-feira, as 'águias' defrontam em casa o União da Madeira a partir das 19:45, um jogo que deveria ter sido disputado hoje, mas que foi adiado.

Lusa

  • Partidos vão apresentar propostas alternativas à descida da TSU
    2:52

    TSU

    O Presidente da República defende a redução da Taxa Social Única mas deixa a porta aberta a outra via para compensar o aumento do salário mínimo. PCP e Bloco de Esquerda insistem que não pode haver contrapartidas que estimulem os salários baixos mas admitem outras formas de aliviar as empresas. À direita, também o CDS irá apresentar propostas.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.

  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.