sicnot

Perfil

Desporto

Marchadora Ana Cabecinha sem lesão grave após queda em escadas

A marchadora Ana Cabecinha revelou hoje não ter sofrido qualquer lesão grave, após a queda numas escadas poucas horas antes do Nacional de marcha e que a obrigou a desistir durante a competição.

Arquivo Lusa

Arquivo Lusa

NUNO VEIGA

Numa mensagem na rede social Facebook, a atleta olímpica reconheceu que "nem devia ter participado, mas Nacional é sempre Nacional", revelando que "a chuva, o frio, o granizo e o percurso pioraram a dor", pelo que foi obrigada a desistir -- "a decisão mais difícil" -, porque "não conseguia respirar".

"Fui levada ao hospital de Leiria, onde fiz exames. Nada partido, só um traumatismo torácico, uma paragem de três, quatro dias e medicação", lê-se na missiva.

Ana Cabecinha desistiu numa prova ganhar por Inês Henriques, do Clube de Natação de Rio Maior, que obteve o tempo de 1:30.51 horas, derrotando Susana Feitor (Leiria Marcha Atlética), com 1:33.33, e Daniela Cardoso, do mesmo clube, com 1:33.45, tornando-se a quinta marchadora com mínimos para os Jogos Olímpicos.

Lusa

  • A morte das sondagens foi ligeiramente exagerada

    Opinião

    Um atentado sem efeitos eleitorais, sondagens que acertaram em praticamente tudo, inexistência do chamado eleitorado envergonhado. E um candidato que se situa no centro político com fortíssimas hipóteses de vencer a segunda volta. As presidenciais francesas tiveram uma chuva de acontecimentos anormais, mas acabam por ser um choque de normalidade. Pelo menos até agora...

    Ricardo Costa

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Pj ainda não fez detenções relacionadas com atropelamento de adepto italiano
    1:52

    Desporto

    As autoridades policiais confirmaram à SIC que o atropelamento que fez este sábado uma vítima mortal, junto ao Estádio da Luz, não terá sido acidental. A Policia Judiciária já saberá quem foi o autor do atropelamento. O homem faria parte do grupo de adeptos do Benfica, que se envolveram em confrontos com adeptos do Sporting.