sicnot

Perfil

Desporto

Sporting alega que Slimani nunca poderá falhar dérbi por processo sumário

O Sporting disse hoje, em comunicado, que Slimani nunca poderá ser castigado antes do dérbi com o Benfica, alegando que uma possível decisão do processo sumário de que é alvo o futebolista argelino é passível de recurso.

© Rafael Marchante / Reuters

Slimani foi alvo de um processo disciplinar na sequência de uma alegada agressão ao grego Samaris, no encontro com o Benfica para a Taça de Portugal, a 21 de novembro de 2015. No domingo, o presidente dos 'encarnados', Luís Filipe Vieira, pediu que nenhum jogador do Sporting fosse castigado em vésperas do dérbi da 25.ª jornada da I Liga, no sábado.

O Sporting defende que os regulamentos impedem que o jogador seja castigado antes do dérbi, porque mesmo que o clube fosse notificado pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol esta semana, a suspensão nunca entraria em vigor antes de passarem os cinco dias disponíveis para recorrer.

"A decisão disciplinar condenatória que admita recurso com efeito suspensivo -- como será o caso -- não é executória enquanto o prazo para a sua interposição não tiver decorrido (nem, uma vez interposto, enquanto ainda não estiver decidido). Isto significa que mesmo que o Sporting fosse notificado da decisão condenatória na véspera do jogo, não tinha de interpor recurso para suspender a decisão: ela estava automaticamente suspensa enquanto o prazo para recorrer (que é de cinco dias) ainda não tivesse decorrido", lê-se no comunicado.

Os 'leões' dizem ainda que estes factos com relevância jurídica não podem "ser do desconhecimento do presidente do SLB que preferiu, sob a capa de uma aparente preocupação súbita com o 'fair-play', usar um discurso que pode mistificar os menos esclarecidos".

"Acresce que esta súbita benevolência do presidente do Benfica já seria de estranhar, mesmo sem a argumentação jurídica que a desmascara, quando se recordasse que foi o Benfica quem iniciou este processo contra o jogador Islam Slimani", refere o clube 'leonino'.

Lusa

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57
  • Jane Goodall iniciou palestra com sons semelhantes aos dos chimpanzés
    2:18

    País

    A investigadora Jane Goodall esteve esta quinta-feira em Lisboa para participar numa conferência da National Geographic. A primatóloga começou o seu discurso com sons semelhantes aos dos chimpanzés. Numa entrevista à SIC, Goodall falou sobre os chimpanzés e sobre o trabalho que continua a desenvolver em todo o mundo, em prol do ambiente, dos animais e das pessoas. 

  • NATO vai aumentar luta contra o terrorismo

    Mundo

    O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, disse que os aliados da NATO concordaram esta quinta-feira em aumentar a luta contra o terrorismo e em "investir mais e melhor" na Aliança.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.