sicnot

Perfil

Desporto

Atlético vence e coloca pressão sobre o FC Barcelona e Real Madrid na liga espanhola

O Atlético Madrid recebeu e venceu hoje a Real Sociedad, por 3-0, e colocou pressão sobre os rivais FC Barcelona, líder, e Real Madrid, terceiro classificado, no arranque da 27.ª jornada do campeonato espanhol de futebol.

© Juan Medina / Reuters

Depois do triunfo no Santiago Bernabéu na última ronda (1-0), os 'colchoneros' reforçaram o segundo lugar e colocaram-se a cinco pontos do FC Barcelona, que joga quinta-feira no campo do Rayo Vallecano, e também com cinco de vantagem sobre o Real, que se desloca na quarta-feira ao terreno do Levante.

Sem o internacional português Tiago, que continua a recuperar de lesão, o triunfo do Atlético Madrid começou a ser construído com um autogolo do mexicano Diego Reyes, jogador emprestado pelo FC Porto, aos oito minutos.

Na segunda parte, a formação comandado pelo argentino Diego Simeone confirmou a vitória com tentos do Saul Niguez, aos 46 minutos, e do francês Griezmann, que marcou contra a sua antiga equipa de grande penalidade, aos 61.

A Real Sociedad, que apresentou o português Bruma como titular, segue no nono lugar, ainda com ambições europeias, já que está a sete pontos do sexto lugar.

No outro encontro da noite, o Las Palmas abandonou a zona de despromoção com uma goleada caseira sobre o Getafe, por 4-0, com destaque para um 'bis' de Tanausu.

Lusa

  • Economia portuguesa a crescer
    2:26
  • Os likes dos candidatos às autárquicas no Facebook
    4:00

    Autárquicas 2017

    Se há mais de 5 milhões de portugueses no Facebook, é natural que as autárquicas também passem pela rede social mais usada no país e no mundo. A SIC apresenta-lhe os 10 candidatos cujas páginas têm mais seguidores e, para a comparação ser mais justa, os que têm mais seguidores em Portugal - porque há também quem estranhamente tenha milhares de fãs em países como Egito, Filipinas ou Vietname.

  • Embaixador do Bangladesh pede ajuda aos portugueses no caso dos rohingya

    Mundo

    O embaixador do Bangladesh em Lisboa pediu esta sexta-feira aos portugueses que ajudem a resolver o problema dos rohingya. Desde o final de agosto, mais de 400 mil pessoas desta minoria muçulmana fugiram de Myanmar, a antiga Birmânia. O Bangladesh já tinha acolhido outros 400 mil refugiados e vê-se agora a braços com esta crise migratória. Pede por isso a Portugal que pressione Myanmar para aceitar de volta e em segurança os rohingya.