sicnot

Perfil

Desporto

Imprensa russa anuncia negociações entre Zenit e o técnico Manuel Pellegrini

O Zenit está a negociar a contratação do treinador Manuel Pellegrini, de saída do Manchester City, para suceder ao português André Villas-Boas a partir da próxima época futebolística, informou hoje um canal de televisão russo.

5º - Manuel Pellegrini, treinador chileno do Manchester City (Inglaterra) - 6,6 milhões de euros por ano

5º - Manuel Pellegrini, treinador chileno do Manchester City (Inglaterra) - 6,6 milhões de euros por ano

© Action Images / Reuters

"Pellegrini é agora o único candidato com quem o Zenit está a negociar. Já existe um princípio de acordo, mas há ainda questões pendentes por resolver", anunciou o canal Life78, que cita fontes do clube de São Petersburgo.

Segundo o mesmo canal, o Zenit, que é patrocinado pelo gigante Gazprom, e que assinou na quarta-feira outro contrato com a empresa de cervejas holandesa Heineken, propôs ao treinador chileno um contrato de duas temporadas, apesar de os representantes daquele terem solicitado um compromisso por quatro épocas.

Por outro lado, Pellegrini quer gerir pessoalmente a constituição do plantel, que inclui estrelas como o brasileiro Hulk, o argentino Garay e o português Danny.

Caso venha a assinar pelo Zenit, volta a cruzar-se com o médio espanhol Javi Garcia, que foi forçado a mudar de ares no Manchester City depois de o treinador chileno ter deixado de contar com ele.

O atual treinador do Zenit, André Villas-Boas, fez saber há alguns meses que deixaria o clube no final da época, embora esta semana o diretor-geral do clube, Maxim Motrofánov, não tenha excluído a hipótese de o técnico português mudar de ideia.

Lusa

  • "Podemos estar a sair da União Europeia, mas não vamos sair da Europa"
    0:40
  • Viver em Évora
    5:11
  • Projeto piloto no Porto com o objetivo de detetar Ambliopia em crianças
    1:16

    País

    São resultados que dizem respeito apenas ao Grande Porto, mas que podem dar uma ajuda para traçar o panorama nacional: 13% das crianças que participaram num rastreio à saúde visual tiveram de ser encaminhadas para consultadas da especialidade. O projeto piloto foi implementado em quatro concelhos do norte do país, mas pode ser alargado.

  • Presidente catalão garante ter plano de contingência
    2:14