sicnot

Perfil

Desporto

Morreu remadora australiana Sarah Tait aos 33 anos

A remadora australiana Sarah Tait, vice-campeã olímpica em Londres 2012, morreu na quarta-feira, aos 33 anos, devido a um cancro, anunciou hoje o Comité Olímpico Australiano.

Sarah Tait à direita da foto

Sarah Tait à direita da foto

© Jim Young / Reuters

Sarah Tait, que juntamente com Kate Hornsey conquistou com medalha de prata nos últimos Jogos Olímpicos na classe dois sem timoneiro, participou também nos Jogos Atenas 2004 e Pequim 2008.

A remadora, que abandonou a competição em 2013 para efetuar tratamentos a um cancro no colo do útero, conquistou um total de três medalhas em Mundiais: uma de ouro e duas de bronze.

Lusa

  • A menina síria que relata a guerra no Twitter está bem, diz o pai

    Mundo

    Bana Alabed, a menina síria de 7 anos que conta no Twitter a luta pela sobrevivência e os horrores da guerra em Alepo, teve de abandonar a sua casa que foi bombardeada mas está bem, disse hoje o seu pai à Agência France Press. A conta esteve fechada desde domingo, mas foi entretanto reativada e tem hoje uma nova publicação de Bana.

  • Parkinson pode ter início nos intestinos

    Mundo

    Um novo estudo científico vem revelar que a doença de Parkinson pode não estar apenas no cérebro. A doença pode ter início nos intestinos e mais tarde migrar para o cérebro.