sicnot

Perfil

Desporto

Gianni Infantino quer mais transparência na escolha dos Mundiais de futebol

O novo presidente da FIFA, Gianni Infantino, manifestou hoje a intenção de tornar mais transparente a seleção dos países organizadores dos próximos campeonatos do mundo de futebol.

© Hannah Mckay / Reuters

"Temos que fazer todos os possíveis para que se evite pensar o porquê de acontecerem coisas estranhas. O processo de eleição tem de ser transparente", ressalvou o suíço à cadeia televisiva BBC.

O líder da organização mundial de futebol, eleito em fevereiro, pretende apressar o processo de seleção dos anfitriões do Mundial de 2026, negando qualquer compromisso com a candidatura dos Estados Unidos.

"O processo de atribuição do Mundial de 2026 terá de ser correto. É um compromisso que pretendo cumprir, até porque é a credibilidade da FIFA que está em jogo".

A finalizar, o suíço mostrou total apoio às organizações de Rússia e Qatar para os mundiais de 2018 e 2022, recusando mudar os anfitriões dos próximos eventos depois das suspeições na atribuição dos votos.

"Houve muita especulação, mas nada de realmente concreto. Vamos concentrar-nos em trabalhar, de forma a ajudar a Rússia e o Qatar a alojar os melhores mundiais da história", completou.

Lusa

  • Temperatura global de 2016 foi a mais alta desde 1880

    Mundo

    A temperatura média na superfície terrestre e oceânica em 2016 foi a mais alta desde 1880, no terceiro ano consecutivo de recordes do aquecimento global, anunciou esta quarta-feira a agência dos Estados Unidos para a atmosfera e os oceanos.

  • CIA desvenda segredos de quase 50 anos de História

    Mundo

    A CIA publicou online quase 12 milhões de documentos confidenciais. Basta uma ligação à Internet para navegar por entre 50 anos de relatórios outrora secretos. Entre os milhões de páginas, estão documentos sobre um eventual assassínio de Fidel Castro, detalhes sobre os crimes de guerra nazis, relatórios sobre avistamentos de OVNI e um estudo sobre telepatia denominado "Projeto Star Gate".

  • Cadela sobrevive após engolir faca de cozinha

    Mundo

    Na Escócia, uma história de sobrevivência, no mínimo, bicuda. Uma cadela engoliu uma faca de cozinha com mais de 20 centímetros, manteve-a dentro de si durante algumas semanas mas sobreviveu, depois de ser operada de urgência..