sicnot

Perfil

Desporto

Gastão Elias acha que merece um convite para o Estoril Open

Gastão Elias, número dois nacional, assumiu hoje que, pelo ténis praticado nas últimas semanas, mereceria um convite para o Estoril Open, mas recordou que a organização do único torneio ATP português é livre de entregá-los a quem quiser.

(Arquivo)

(Arquivo)

Lusa

"Eles dão o convite a quem entenderem. O torneio é deles. Se me perguntarem se acho que mereço ou não, acho que estou a fazer uma boa época e mereço. Mas há outras coisas, como jogadores de grande nome, que 'pesam'", disse Elias, sem falsas modéstias, na conferência de imprensa posterior à derrota de Portugal com a Áustria, na Taça Davis.

O 121.º jogador mundial não se mostrou, no entanto, preocupado com a atribuição de um 'wildcard' para o Estoril Open. "Se me derem o convite, agradeço, se tiver de jogar o 'qualifying', jogarei, se não estiver noutro torneio", acrescentou.

A jogar o melhor ténis da sua carreira, Elias brincou quando questionado sobre se seria este ano em que finalmente fará a entrada no 'top 100' mundial.

"Há cinco anos que digo que este é o ano. Estou na minha fase mais consistente. Estou constantemente a ter bons resultados com jogadores do 'top 100'. Estive agora duas vezes muito perto de ganhar a um 'top 20'. Se fosse uma vez, podia dizer que era sorte, duas vezes acho que é competência", defendeu, referindo-se aos últimos dois confrontos com Dominic Thiem.

O objetivo do jovem da Lourinhã para os próximos meses passa por entrar no torneio do 'Grand Slam' de Roland Garros. "Preciso de 90 pontos para entrar no quadro. Vou jogar quatro 'challengers' e estou focado nisso", concluiu.

Lusa

  • "Claramente que há mandantes e que foi uma operação organizada"
    4:14

    Crise no Sporting

    Os 23 detidos por suspeitas de terem participado no ataque à Academia de Alcochete ficaram em prisão preventiva. Miguel Sousa Tavares considera que a decisão "é mais para ser exemplar". O comentador da SIC acredita que há mandantes e que esta foi uma "operação organizada". Sousa Tavares diz ainda que os "políticos não têm coragem para impor as leis" e que em Portugal "brinca-se com a lei".

    Miguel Sousa Tavares

  • "Sempre nos disseram que bastava o Aves ganhar para estar na Liga Europa"
    0:34

    Desporto

    O Presidente da SAD do Desportivo das Aves garante que não houve esquecimento ou atraso na inscrição do clube na Liga Europa. Luiz Andrade afirma que sempre lhe disseram que bastava vencer a Taça de Portugal para marcar presença na competição e que ainda não sabe se o clube pode ou não jogar a fase de grupos da competição europeia.

  • "Fui violada por Harvey Weinstein aqui em Cannes"
    1:02

    Cultura

    A cerimónia de encerramento do Festival de Cinema de Cannes ficou ainda marcada pelo discurso de Asia Argento. A atriz italiana que acusou Harvey Weinstein de a ter violado justamente numa das edições do festival de Cannes, e que há mais abusadores à solta.

  • As primeiras imagens das quatro crias da lince Malva
    0:20
  • Exército sírio declara Damasco "totalmente segura"

    Mundo

    O exército sírio proclamou esta segunda-feira a capital Damasco e também os arredores, como locais "totalmente seguros". O anúncio foi feito em clima de festa, depois de os militares terem reconquistado os bairros do sul da cidade, até agora nas mãos do Daesh.

  • Jovem britânico em fuga é detido depois de responder à polícia no Facebook

    Mundo

    Através do Facebook, a polícia de West Yorkshire mostrou-se preocupada perante o desaparecimento de um jovem de 21 anos e pediu por informações que pudessem leva-los a descobrir Leon Smith. Contudo, o que não deveriam estar à espera, era que o próprio desaparecido respondesse na rede social e que desafiasse a polícia a "fazer o seu trabalho". As autoridades acabaram por localizar o jovem no mesmo dia.

    SIC