sicnot

Perfil

Desporto

Associações de futebol de Lisboa e Porto apoiam recandidatura de Fernando Gomes

As associações de Lisboa e do Porto manifestaram hoje o seu apoio a Fernando Gomes, que se recandidata à presidência da Federação Portuguesa de Futebol.

Em declarações difundidas pela assessoria de comunicação do candidato único, Nuno Lobo, líder associativo lisboeta, considera que Fernando Gomes "cumpriu globalmente com o que prometeu há quatro anos".

A equiparação do futebol profissional e não-profissional, o posicionamento do futebol português "nos mais altos patamares dos poderes decisórios do futebol europeu e mundial" e a construção da Cidade do Futebol são ainda destaque nas palavras de apoio do dirigente lisboeta.

Na mesma nota, Lourenço Pinto, presidente da Associação de Futebol do Porto, refere: "Tudo aquilo que foi feito nestes quatro anos define a capacidade do homem e a capacidade do grupo que ele lidera".

Destacando momentos como a organização da final dos Campeões Europeus em Lisboa, o Mundial de futebol de praia e a solidariedade com o movimento associativo, o dirigente portuense mostra-se convicto: "Temos de estar solidários com ele e apoiá-lo em todas as situações".

As eleições para a Federação Portuguesa de Futebol realizam-se em 4 de junho.

Lusa

  • "Michel Temer nunca teve vergonha, não tem cara de pessoa de bem"
    3:04

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou no habitual espaço de comentário do Jornal da Noite  da SIC, o escândalo com o Presidente do Brasil, Michael Temer. O comentador diz que já era previsível que Temer fosse apanhado com "o pé na poça" e afirma que o Presidente brasileiro nunca teve qualquer tipo de vergonha. Miguel Sousa Tavares fez ainda referência ao facto de Dilma Rousseff ser, entre todos os políticos brasileiros, a única que não tem processos contra ela.

    Miguel Sousa Tavares

  • O que muda com a saída do Procedimento por Défice Excessivo?
    2:10
  • Julgamento do caso BPN deverá terminar quarta-feira
    4:38

    Economia

    O acórdão do processo principal do BPN vai ser tornado público esta quarta-feira, depois de quase sete anos de audições. O rosto principal é o de José Oliveira Costa mas há outros 14 arguidos sentados no banco dos réus.

  • Marcelo opta pelo silêncio sobre a eutanásia
    1:09

    Eutanásia

    Marcelo Rebelo de Sousa diz que só tomará uma posição sobre a eutanásia quando o diploma chegar a Belém. O chefe de Estado garante que vai ficar em silêncio, para não condicionar o debate e também "para ficar de mãos livres para decidir".